Sociedade | 06-10-2022 15:36

Prisão preventiva para suspeito de atear fogos no Entroncamento

Prisão preventiva para suspeito de atear fogos no Entroncamento

Homem de 39 anos é suspeito de estar na origem de focos de incêndio que aconteceram no Parque do Bonito, no Entroncamento.

Um homem suspeito de ter ateado incêndios no Parque do Bonito, no Entroncamento, foi detido e vai ficar preso preventivamente a aguardar o desenrolar do processo, anunciou a Polícia Judiciária (PJ). Em comunicado, a PJ afirma que o homem, de 39 anos, servente na construção civil e residente na zona do Entroncamento, foi detido na sequência de uma investigação realizada pelo Departamento de Investigação Criminal de Leiria da PJ em colaboração com a Guarda Nacional Republicana (GNR).

“Dos crimes de que agora está indiciado, resultaram elevados prejuízos patrimoniais e para o meio ambiente, consubstanciados na destruição de extensa área florestal, ladeada por consideráveis aglomerados populacionais, realçando-se ainda o facto de o local ser muito frequentado para a prática de atividades lúdicas, desportivas e de lazer”, afirma o comunicado. Depois de ouvido em primeiro interrogatório judicial, o suspeito viu ser-lhe aplicada a medida de coacção mais gravosa, a prisão preventiva.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1587
    01-09-2021
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1587
    01-09-2021
    Capa Vale Tejo