Sociedade | 11-11-2022 20:59

Centro Hospitalar do Médio Tejo reduz listas de espera com parceria

Centro Hospitalar do Médio Tejo contratualizou com a Misericórdia do Entroncamento a realização de 80 cirurgias de Ortopedia nos próximos meses. Foto CHMT

Nos próximos 12 meses vão ser realizadas no Hospital São João Baptista, no Entroncamento, um quarto das cirurgias que se encontram actualmente em lista de espera cirúrgica da especialidade de Ortopedia no Centro Hospitalar do Médio Tejo.

O Centro Hospitalar do Médio Tejo (CHMT) contratualizou com a Santa Casa da Misericórdia do Entroncamento (SCME) a realização, nos próximos meses, de 80 cirurgias da especialidade de Ortopedia. Na formalização do protocolo de cooperação estiveram presentes o presidente do conselho de administração do CHMT, Casimiro Ramos, a directora clínica da instituição, Ivone Caçador, o provedor da SCME, Firmino Falcão, e a vice-provedora, Suzana Angeiras.
A parceria estabelecida tem como objectivo impulsionar a recuperação da actividade cirúrgica suspensa pela pandemia de Covid-19, aposta que tem sido prioritária e reforçada pela instituição, nomeadamente através da realização de consultas e cirurgias da especialidade de Ortopedia durante os fins-de-semana. Através do protocolo, as cirurgias de 80 utentes vão ser realizadas nas instalações do Hospital de São João Baptista, no Entroncamento. As 80 cirurgias contratualizadas representam um quarto da lista de espera cirúrgica de Ortopedia.
Os utentes abrangidos não terão quaisquer custos ou incómodos associados a esta contratualização. A segurança dos procedimentos a realizar também está integralmente garantida. As cirurgias vão ser realizadas pelas equipas médicas e de enfermagem do hospital que também vai garantir o acompanhamento pós-cirúrgico e internamento prestado aos utentes. Após a alta médica o CHMT vai convocar o utente para uma avaliação e continuação dos tratamentos ou consultas posteriores.

Recuperação histórica das listas de espera
Este reforço cirúrgico releva a recuperação da lista de espera cirúrgica de Ortopedia ao longo dos últimos dois anos. O tempo de espera para cirurgia desta especialidade era superior a um ano em 2020 (425 dias) e foi reduzido para 275 dias em 2021. Este ano, até final de Setembro, o tempo de espera foi novamente reduzido para metade fixando-se em 117 dias. Actualmente estão inscritos 306 utentes para cirurgia ortopédica.
“A recuperação das listas de espera da especialidade de Ortopedia é um caso de estudo, e é fruto do trabalho e dedicação das equipas de profissionais de saúde do CHMT”, afirma Casimiro Ramos, acrescentando que “houve um esforço de trabalho de equipa e complementaridade entre as especialidades de Ortopedia, Medicina Interna e Anestesiologia, para reverter indicadores de tempos de espera que eram muito negativos”.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1588
    01-09-2021
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1588
    01-09-2021
    Capa Vale Tejo