Sociedade | 12-11-2022 15:00

Três dezenas de personalidades nas comissões para novo aeroporto

aeroporto

As duas comissões que estão a ser criadas para estudar as soluções para o novo aeroporto de Lisboa vão ter mais de três dezenas de elementos e a comissão técnica será presidida por um coordenador-geral designado pelo primeiro-ministro.

As duas comissões que estão a ser criadas para estudar as soluções para o novo aeroporto de Lisboa vão ter mais de três dezenas de elementos e a comissão técnica será presidida por um coordenador-geral designado pelo primeiro-ministro. Até meio de Dezembro a comissão deverá definir o seu plano de trabalhos que até final de 2023 terá de ser entregue ao Governo de António Costa. Segundo comunicado do Governo a comissão técnica terá uma espécie de comissão a fiscalizá-la – a chamada comissão de acompanhamento, que será presidida pelo presidente do Conselho Superior de Obras Públicas, Carlos Mineiro Aires, natural de Abrantes. “O presidente do Conselho Superior de Obras Públicas é o presidente da comissão de acompanhamento da Comissão Técnica Independente”, confirmou o ministro das Infraestruturas, Pedro Nuno Santos, referindo-se a Carlos Mineiro Aires, antigo bastonário da Ordem dos Engenheiros. Segundo a resolução do Governo vão fazer parte desta comissão o presidente do Conselho Superior das Obras Públicas (CSOP), que preside, e os presidentes das câmaras municipais de Alcochete, Benavente, Lisboa, Loures, Montijo e Santarém.
Além disso, entram nesta comissão de acompanhamento os presidentes do Conselho Nacional do Ambiente e do Desenvolvimento Sustentável (CNADS), da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional de Lisboa e Vale do Tejo, do Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas (CRUP), do Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos, do Laboratório Nacional de Engenharia Civil, I. P. (LNEC, I. P.), e da Entidade Regional de Turismo da Região de Lisboa. O presidente do Supremo Tribunal Administrativo designará um magistrado judicial jubilado para integrar a dita comissão de acompanhamento, que contará também com os bastonários das ordens dos Engenheiros e dos Economistas. A estes juntam-se ainda sete personalidades indicadas pela Academia das Ciências de Lisboa, uma personalidade indicada pela Confederação Portuguesa das Associações de Defesa do Ambiente e um nome indicado pela Confederação do Turismo de Portugal.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1587
    01-09-2021
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1587
    01-09-2021
    Capa Vale Tejo