Sociedade | 17-11-2022 10:00

Secretário de Estado de Sócrates vê tribunal confirmar promiscuidade de funções

Secretário de Estado de Sócrates vê tribunal confirmar promiscuidade de funções
Rui Barreiro, ex-secretário de Estado das Florestas, foi condenado num processo disciplinar no Ministério da Agricultura

O ex-secretário de Estado das Florestas, do Ministério da Agricultura, Rui Barreiro, foi condenado a suspensão de funções num processo disciplinar do mesmo ministério onde teve funções de tutela no governo de José Sócrates e onde ainda é funcionário como inspector de agricultura.

Rui Barreiro, ex-secretário de Estado das Florestas num Governo de José Sócrates e antigo presidente da Câmara de Santarém, foi derrotado na tentativa de se livrar de um castigo do Ministério da Agricultura, onde é quadro superior, por negócios incompatíveis com as suas funções públicas. O Tribunal Administrativo de Leiria confirmou a decisão do ministério de o suspender de funções de inspector por ter andado a fazer candidaturas de obtenção de subsídios para agricultores que eram decididas por colegas seus. O político socialista, que mesmo estando debaixo de fogo foi vogal da empresa pública ForestGal, recorreu da decisão para o Tribunal Central Administrativo Sul.

*Notícia desenvolvida na edição semanal em papel desta quinta-feira, 17 de Novembro

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1597
    01-02-2023
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1597
    01-02-2023
    Capa Médio Tejo