Sociedade | 08-01-2023 07:00

Preços das casas disparam na região com Vila Franca de Xira a liderar

Preços das casas disparam na região com Vila Franca de Xira a liderar
Foto CMVFX

Viver às portas de Lisboa custa mais de dois mil euros por metro quadrado em Vila Franca de Xira. Já Santarém é a capital de distrito com as casas mais baratas do país. Maioria dos concelhos da região viu as casas valer mais dinheiro com três excepções: Chamusca, Mação e Ourém.

Na região servida por O MIRANTE comprar casa é uma decisão de extremos: em Vila Franca de Xira paga-se dos preços mais elevados do país - perto de dois mil euros por metro quadrado (m2) - enquanto Santarém continua na lista das capitais de distrito com as casas mais baratas, a custar pouco mais de mil euros o m2.

Os dados constam do portal de imobiliário Idealista que voltou a compilar os dados sobre a evolução dos preços das casas à venda no último ano e onde as notícias não são boas para as famílias: os preços subiram em todos os concelhos da região com apenas três excepções: Chamusca, que viu as casas desvalorizar 8,5%, Ourém (-11,7%) e Mação (-8,5%).

Os concelhos da região com casas mais caras por metro quadrado são Vila Franca de Xira, seguida de Salvaterra de Magos (1.411), Benavente (1.354 euros), Coruche (1.215), Azambuja (1.157), Santarém (1.029) e Almeirim (1.019).

O concelho de Alpiarça, onde o preço médio é de 829 euros por metro quadrado, foi onde as casas mais aumentaram de preço (46,6%), seguido de Almeirim com subidas de 31%, Salvaterra de Magos (30%) e Vila Nova da Barquinha (23%).

No outro extremo, onde comprar casa é mais barato na região, está Mação. Naquele concelho o preço médio por metro quadrado é de 535 euros e os preços desceram 8,5% no último ano.


* Notícia desenvolvida na edição impressa de O MIRANTE

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1596
    11-01-2023
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1596
    25-01-2023
    Capa Médio Tejo