Sociedade | 13-01-2023 18:00

Seis mil dádivas em 2022 no Centro Hospitalar do Médio Tejo

Seis mil dádivas em 2022 no Centro Hospitalar do Médio Tejo

Nos hospitais de Abrantes, Tomar e Torres Novas foram registadas dádivas de 4430 pessoas, sendo que 450 deram sangue pela primeira vez.

O Serviço de Imuno-Hemoterapia do Centro Hospitalar do Médio Tejo aproveitou o “Dia Internacional do Obrigado”, que se comemora a 11 de Janeiro, para agradecer a todos os dadores que deram sangue durante o ano de 2022. Foram recolhidas cerca de seis mil dádivas nos três hospitais. Os profissionais de saúde assinalaram a generosidade de 430 novos dadores que deram sangue pela primeira vez.
“Com a sua valiosa contribuição, foi possível transfundir 4100 unidades de concentrados de eritrócitos (glóbulos vermelhos), 250 bolsas de plaquetas e 444 unidades de plasma fresco congelado aos doentes internados”, explica a instituição em comunicado.
Outras instituições do Serviço Nacional de Saúde, como o Hospital Distrital de Santarém, o Hospital de Santa Cruz e o Hospital de Santa Maria, também receberam sangue, ou um dos seus componentes, provenientes das colheitas realizadas nos CHMT. Estas colheitas permitiram acorrer a situações programadas ou de risco de vida iminente, como acidentes, intervenções cirúrgicas, partos, anemias graves, doença oncológica, entre outras.
As próximas colheitas serão no Hospital de Tomar (14 de Janeiro, entre as 9 e as 14 horas) e no Hospital de Abrantes (28 de Janeiro, no mesmo horário).

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1597
    01-02-2023
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1597
    01-02-2023
    Capa Médio Tejo