Sociedade | 20-01-2023 21:00

Refugiados vão estar mais horas a aprender português em Salvaterra de Magos

Refugiados vão estar mais horas a aprender português em Salvaterra de Magos

Vereadora do Partido Socialista, Helena Neves, salientou em reunião de câmara que a carga horária semanal das aulas de português para estrangeiros foi duplicada.

Na última reunião de Câmara Municipal de Salvaterra de Magos, que se realizou a 18 de Janeiro, a vereadora da Acção Social, Educação e Cultura, Helena Neves, destacou um conjunto de iniciativas levadas a cabo pela autarquia, nomeadamente a “Português para Estrangeiros”. O serviço, disponibilizado de forma gratuita, foi criado em 2022 para facilitar a integração de cidadãos estrangeiros na comunidade, em particular os refugiados da guerra na Ucrânia. Embora, segunda a autarca, muitos dos refugiados já não vivam no concelho, os jovens que continuam a residir em Salvaterra de Magos solicitaram mais dois horários semanais de aulas para conseguirem conciliar com os turnos de trabalho.

As aulas são dadas por uma professora do Agrupamento de Escolas de Salvaterra de Magos nas Instalações da Universidade Sénior da vila. Helena Neves salientou que o serviço funciona em sintonia com os períodos de actividade lectiva das escolas e está, por isso, sujeito a pausas para férias.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1597
    01-02-2023
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1597
    01-02-2023
    Capa Médio Tejo