Sociedade | 21-01-2023 21:00

Domingos Chambel afasta António Campos da administração da Nersant Seguros e José Coimeiro é o novo presidente

Domingos Chambel afasta António Campos da administração da Nersant Seguros e José Coimeiro é o novo presidente
EDIÇÃO SEMANAL
Domingos Chambel ignorou o facto de José Coimeiro (na foto) ser membro da direcção e um dos principais sócios da Nersant Seguros e quis substituir António Campos por António Rodrigues

O presidente da Nersant, Domingos Chambel, afastou António Campos da administração da Nersant Seguros e tentou substituí-lo pelo seu vice-presidente António Rodrigues. Os accionistas maioritários tomaram as rédeas da administração e José Coimeiro é o novo presidente.

José Coimeiro é o novo presidente da Nersant Seguros, uma sociedade anónima com mais de uma dezena de anos que foi criada pela direcção da Nersant para dar aos associados melhores condições nos seguros das suas empresas. A Nersant Seguros é sustentada numa parceria com vários correctores de seguros, entre os quais a F. Rego e a Link Seguros, assim como a participação no capital de associados da Nersant.
Apesar de o presidente da Nersant, Domingos Chambel, ter avançado o nome do seu vice-presidente, António Rodrigues, para presidente do conselho de administração da Nersant Seguros, os gestores escolheram José Coimeiro, administrador da Cabena, que é um dos membros da direcção da Nersant e ao mesmo tempo detém cerca de um quarto do capital social da empresa Nersant Seguros.
O MIRANTE conversou com José Coimeiro que confirmou a decisão de assumir a presidência do conselho de administração da empresa depois de ter sido confrontado com a informação de que Domingos Chambel não queria reconduzir António Campos e indicou António Rodrigues para o seu lugar.
Questionado sobre um acordo tácito que havia entre todas as partes, de que a Nersant, apesar de minoritária, manteria sempre a presidência do conselho de administração, José Coimeiro foi peremptório: “Quando soube que a direcção da Nersant queria substituir António Campos por António Rodrigues não tive dúvidas que tinha de tomar uma decisão. António Campos tem muitos anos de gestão, a Nersant Seguros estava bem entregue. Como não tinha certezas quanto a António Rodrigues, nem conheço as suas capacidades de gestor, tive que assumir a decisão da maioria dos sócios da empresa”. Sobre o facto de Domingos Chambel o ter ignorado, sendo ele também membro da direcção da Nersant, José Coimeiro desvalorizou dizendo que o essencial é que a associação continue a prestar um bom serviço aos associados.

À Margem/ Opinião

Um grosseiro na presidência da Nersant

Domingos Chambel perdeu a presidência da Nersant Seguros para um membro da sua direcção ao escolher a pessoa errada.

Domingos Chambel tem gerido a Nersant às cegas. Quase três anos depois de ser eleito a sua gestão começa finalmente a dar nas vistas pelas piores razões. Ao perder a presidência do conselho de administração da Nersant Seguros, Chambel deu a melhor prova de que é inábil e só está preparado para combater contra moinhos de vento. Domingos Chambel chamou o vice-presidente António Rodrigues para se candidatar ao lugar de António Campos e a maioria dos sócios da Nersant Seguros impôs José Coimeiro, que é um dos maiores accionistas. Curiosamente, José Coimeiro é também membro da direcção da Nersant. Ao escolher António Rodrigues, sem ouvir José Coimeiro, Chambel mostrou ter pouco juízo para além de muito pouco siso.
Desde que foi fundada que a Nersant Seguros sempre foi presidida pela Nersant. Aparentemente Chambel quer mudar a gestão da associação, mas tudo indica que, como diz a voz popular, o homem é bem mais grosseiro do que se pensava.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1597
    01-02-2023
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1597
    01-02-2023
    Capa Médio Tejo