Sociedade | 22-01-2023 18:00

CRIA assina protocolo para acompanhar 400 famílias em Abrantes

CRIA assina protocolo para acompanhar 400 famílias em Abrantes
Associação acompanha beneficiários do RSI com objectivo de promover a sua autonomia e inserção no mercado de trabalho. fotoDR

Comparticipação financeira do município para com o Centro de Recuperação e Integração de Abrantes é de cerca de 105 mil euros. Objectivo é promover a autonomia e inserção social e profissional dos beneficiários.

O executivo da Câmara Municipal de Abrantes aprovou na última reunião do executivo o despacho do vereador e vice-presidente, João Gomes, referente ao protocolo entre o município e o CRIA - Centro de Recuperação e Integração de Abrantes. A instituição acompanha os beneficiários do Rendimento Social de Inserção (RSI) no concelho de Abrantes com o objectivo de promover a sua autonomia e inserção social e profissional.
A câmara vai transferir para o CRIA uma verba de cerca de 105 mil euros, repartidos por prestações mensais. É o resultado da transferência de competências na área social que o município assumiu a 1 de Janeiro de 2023. Desde 2005 que o CRIA é a entidade executora do RSI no concelho de Abrantes, através de protocolo com o Instituto da Segurança Social (ISS), acompanhando cerca de 150 agregados familiares. O acordo, que comporta 400 agregados familiares, vai ter a duração de um ano, renovando-se automaticamente por iguais períodos se as partes envolvidas concordarem.
Na mesma reunião foi aprovado o valor para apoio às candidaturas em análise e outras que venham a surgir durante o ano de 2023 no âmbito do Programa de Apoio a Estratos Sociais Desfavorecidos. Dos 120 mil euros aprovados, 115 destinam-se a apoios correntes e cinco mil para apoios de capital, ou seja, destinados a pedidos de apoio de emergência para pagamento de bens essenciais tais como água, luz, gás e alimentação, por exemplo. O programa visa disponibilizar recursos para auxiliar pessoas em situação de carência económica, minimizando as situações de pobreza e de exclusão social. Entre os pedidos mais solicitados, encontra-se o apoio na área da habitação, para comparticipação da renda da casa, seguindo-se o apoio à aquisição de medicação.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1596
    11-01-2023
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1596
    25-01-2023
    Capa Médio Tejo