Sociedade | 25-01-2023 07:00

Saber comunicar é uma arte e faz toda a diferença

Saber comunicar é uma arte e faz toda a diferença
Comunicar bem é o segredo do sucesso do Agrupamento de Escolas de Benavente

Cine-teatro de Benavente recebeu iniciativa “Comunicar para Transformar”, realizada no âmbito das comemorações do décimo aniversário do Agrupamento de Escolas de Benavente.

Saber comunicar é fundamental para passar uma mensagem e é a chave para se alcançar o sucesso. A convicção é de Mário Santos que está há seis anos como director do Agrupamento de Escolas de Benavente, uma entidade que tem apostado forte em abrir-se à comunidade. Na tarde de 10 de Janeiro decorreu uma conferência que juntou dezenas de professores e encarregados de educação daquele agrupamento para uma discussão sobre comunicação, naquele que foi o quinto evento comemorativo do décimo aniversário do Agrupamento de Escolas de Benavente.
“Comunicar para Transformar” realizou-se no Cine-teatro de Benavente e contou com a participação de Cândida Pinto, Rui Marques e Francisco Caeiro, que reflectiram sobre o que é e como se garante uma boa comunicação. “Desde que nos agrupámos ganhámos uma consciência colectiva, uma perspectiva vertical desde o pré-escolar ao 12º ano, um olhar sobre aquilo que são os nossos alunos e a nossa comunidade e isso foi um marco importante e positivo”, explica Mário Santos a O MIRANTE.
O responsável do agrupamento reforça o papel importante que pais e encarregados de educação têm para a vida das escolas e descreve a parceria como algo fundamental para a comunidade escolar. “O agrupamento não começa nem acaba nos muros das escolas. Estamos dentro da comunidade e toda a gente gosta que a escola funcione bem, até aqueles que não têm cá os filhos”, acrescenta.

Comunicar para crescer
Rui Marques, presidente do Instituto Padre António Vieira e director da Academia de Líderes Ubuntu, defendeu no colóquio que muitos dos problemas da sociedade actual resultam da falta de mais e melhor comunicação. “Poucas vezes fazemos uma reflexão importante da nossa responsabilidade e ignoramos que fazemos parte do processo comunicacional. Num tempo de redes sociais, em que partilhar uma notícia é um acto político, pensamos pouco na nossa responsabilidade de comunicar”, explicou.
“Comunicar dá trabalho, comunicar é uma arte, por vezes é um esforço, mas é sempre uma necessidade”, afirmou a jornalista Cândida Pinto, que acredita que os aspectos mais importantes na comunicação são o contacto pessoal e a empatia, algo que através dos ecrãs não é possível. “A comunicação é fundamental quando é feita de uma maneira pessoal. Ver nos olhos das pessoas o que está de facto a acontecer tem essas componentes que o digital elimina, tem cheiro, tem temperatura, tem silêncios, tem disponibilidade para ouvir e sobretudo para entender”, afirmou.
Já Francisco Caeiro, poeta e farmacêutico, relembrou que muitas vezes o segredo para a comunicação é a simplicidade da linguagem utilizada. Uma linguagem deve ser centrada nas pessoas e são as pessoas que devem ser o centro da comunicação. “Posso falar muito bem e ter o melhor vocabulário, mas se não for entendido por ninguém não estou a comunicar”, sublinha.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1596
    11-01-2023
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1596
    25-01-2023
    Capa Médio Tejo