Sociedade | 28-01-2023 12:00

Motoristas da Carris perdem-se a conduzir no concelho de VFX

Motoristas da Carris perdem-se a conduzir no concelho de VFX
Motoristas perdidos, viagens mais caras e horários desajustados das necessidades são algumas das principais queixas dos utilizadores

Melhor divulgação dos horários continua a ser a principal queixa de utilizadores e autarcas. Autarcas pedem introdução de melhorias na operação da Carris Metropolitana. Na última semana alguns motoristas perderam-se entre o Bom Sucesso e a Póvoa de Santa Iria, o que gerou queixas irónicas da comunidade.

O município de Vila Franca de Xira veio exigir na última semana a introdução de melhorias na operação da Carris Metropolitana no seu território e sobretudo que seja melhor divulgado os horários e carreiras disponíveis. Para dar eco ao descontentamento popular o município está disponível para receber as queixas da comunidade e encaminhá-las para a empresa. Apesar da situação estar a regularizar-se lentamente a cada dia que passa não faltaram queixas nas últimas semanas sobre os horários desajustados às necessidades, carreiras com escassez de autocarros, falta de mais ligações às localidades e viagens mais caras em alguns trajectos, como O MIRANTE deu nota.
Em alguns casos houve mesmo relatos de motoristas que desconheciam por completo o concelho e perderam-se em algumas ligações como aconteceu na última semana entre o Bom Sucesso (Alverca) e Póvoa de Santa Iria, o que mereceu relatos irónicos de passageiros. “Estamos absolutamente disponíveis para acolher todas as reclamações dos utentes e passá-las à Carris Metropolitana. Um dos aspectos por afinar diz respeito à facilidade de disponibilização dos horários no site deles, onde por causa da enorme procura muitas vezes o site encontra-se inactivo”, critica Fernando Paulo Ferreira, presidente do município.
O autarca reconheceu, em reunião de câmara, que se viveram “dias de dificuldade” em algumas linhas do concelho por culpa de uma “operação gigantesca” mas que a empresa, depois de pressionada pela câmara, correspondeu às exigências e fez acertos de horários e carreiras, especialmente as que servem as escolas do concelho. “A situação está a regularizar-se e o regular funcionamento começa a notar-se, seja pelas novas viaturas ou o reforço da rede”, notou o autarca. Para combater a falta de informação sobre os horários disponíveis a empresa recomendou a instalação de aplicações móveis como o Moovit ou o CityMapper, que apresentam os horários disponíveis em tempo real.

É fundamental mais informação
A oposição também não se mostrou satisfeita com a situação. A vereadora Joana Bonita, da CDU, elogia o espírito de serviço público da empresa mas continua a considerar os horários “manifestamente insuficientes” para as necessidades do concelho, em especial nas zonas rurais. “É essencial que a câmara acompanhe de perto os serviços do operador e exija o melhor serviço para a população e divulgação massiva da nova rede”, notou.
Também Vítor Silva, da coligação Nova Geração (PSD/PPM/MPT), lamentou as dificuldades de adaptação dos motoristas à realidade do concelho e os grandes constrangimentos que a falta de maior divulgação dos horários tem causado. “A câmara deve ajudar a contribuir com todo o esclarecimento aos utentes”, defendeu. O autarca lamentou também que em todo o concelho tenha sido criado apenas dois locais de atendimento, um em Vila Franca de Xira e outro em Alverca. “Sabemos que outros municípios foram mais além para proporcionar um atendimento digno. VFX devia tentar integrar estes serviços nas delegações de freguesia”, defendeu.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1664
    15-05-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1664
    15-05-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo