Sociedade | 31-01-2023 15:05

Faleceu o ex-vereador da Câmara da Chamusca Francisco Matias

Faleceu o ex-vereador da Câmara da Chamusca Francisco Matias
foto arquivo

Francisco Matias foi vereador de Sérgio Carrinho e seu delfim. Nas eleições em que assumiu a candidatura perdeu por cerca de oitenta votos para o PS graças à votação na freguesia da Carregueira. Funeral realiza-se amanhã pelas 11 horas na Chamusca.

Faleceu hoje, 31 de Janeiro, na sua casa na Chamusca, o ex-vereador e vice-presidente da Câmara da Chamusca Francisco Matias. Tipógrafo de profissão, Francisco Matias morreu de doença prolongada aos 57 anos.

Depois da saída de Sérgio Carrinho da presidência da Câmara da Chamusca, Francisco Matias foi cabeça de lista da CDU tendo perdido apenas por cerca de 80 votos graças aos eleitores da freguesia da Carregueira que votaram em massa no PS que aproveitou as críticas da população sobre o Eco Parque do Relvão. Pouco tempo depois Francisco Matias foi diagnosticado com uma doença da moda. Apesar de doente manteve sempre uma actividade política na sombra, coordenando a CDU da Chamusca e procurando intervir nas redes sociais, embora não fosse um activista politico que cultivasse o confronto de ideias ou o combate político.

Foi eleito nos executivos de Sérgio Carrinho durante vários mandatos assumindo desde o início o cargo de vice-presidente. Com cerca de vinte anos iniciou a sua vida de trabalho na tipografia a Persistente, na Chamusca, e começou a escrever e a desenhar para O MIRANTE onde durante algum tempo foi colaborador regular não renumerado. Foi enquanto colaborador de O MIRANTE que lhe surgiu o primeiro convite para entrar na vida política activa como candidato à câmara pelo Partido Socialista da Chamusca. Na altura Sérgio Carrinho soube dessa aproximação com os socialistas e tendo boa impressão da sua pessoa foi convidá-lo para fazer parte das suas listas.

Francisco Matias mudou de ideias e resolveu aceitar o convite de Sérgio Carrinho, começando e acabando a sua vida política sempre como numero dois do município da Chamusca, depois de José Melão e Gonçalo Cabaço, dois históricos do PCP, que ocuparam igualmente lugares de destaque nos mandatos de Sérgio Carrinho, que duraram até há cerca de nove anos quando o PS recuperou a autarquia. Recorde-se que o PS só tinha ganho nas primeiras eleições democráticas a seguir ao 25 de Abril tendo como candidato o veterinário Francisco Romão.

Francisco Matias era casado com Paula Monteiro e tinha quatro filhos.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1669
    19-06-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1669
    19-06-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo