Sociedade | 18-03-2023 12:00

BE do Entroncamento contra investimento na antiga “Linha de Guerra”

Câmara do Entroncamento é criticada por pretender “desperdiçar” 100 mil euros para financiar ramal ferroviário desactivado há anos

O Bloco de Esquerda (BE) acusa a Câmara do Entroncamento de desperdiçar 100 mil euros dos cofres municipais para financiar a requalificação da chamada “Linha de Guerra”, um ramal ferroviário desactivado há muitos anos e que ligava os quartéis à rede ferroviária nacional, passando junto ao Bairro Camões.
O BE foi o único partido a votar contra esta decisão na última sessão da Assembleia Municipal do Entroncamento. O partido considera que a decisão de gastar 100 mil euros nesta requalificação foi tomada de “forma implícita, a coberto do recente reforço do orçamento municipal com o saldo da execução do ano passado”. Na rubrica “requalificação da Linha da Guerra”, antes apenas dotada simbolicamente com um euro, foram agora colocados 100 mil euros”, refere o partido. “Se, por acaso, a requalificação é necessária por razões de defesa, então caberá ao Estado financiar a obra e não aos munícipes do Entroncamento”, sublinham os eleitos do BE, acrescentando que se trata de “um desperdício que o BE reprova”.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1668
    12-06-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1668
    12-06-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo