Sociedade | 10-05-2023 12:00

Passadeiras inteligentes para prevenir acidentes nos pontos negros de VFX

Passadeiras inteligentes para prevenir acidentes nos pontos negros de VFX
Vialonga será uma das freguesias a receber a título experimental as novas passadeiras

Câmara de Vila Franca de Xira vai investir 50 mil euros num projecto-piloto para tentar evitar atropelamentos. Acidentes continuam a acontecer sobretudo na Estrada Nacional 10 e na variante de Vialonga.

As passadeiras mais perigosas do concelho de Vila Franca de Xira, consideradas pontos negros de sinistralidade onde anualmente são atropeladas várias pessoas, vão receber um projecto-piloto de passadeiras inteligentes para ajudar os condutores a evitar o acidente.
Em cima da mesa estão, nesta primeira fase, 50 mil euros de dinheiro municipal para implementar novas passadeiras inteligentes em vários pontos negros sinalizados pela Protecção Civil Municipal, situadas sobretudo na Estrada Nacional 10, nas zonas do Sobralinho e Alverca do Ribatejo mas também em Vialonga. “É uma intervenção que funcionará como projecto-piloto para reforçar a segurança das pessoas em alguns pontos negros. É um problema que tem sido levantado pela protecção civil”, explica Fernando Paulo Ferreira, presidente do município.
As passadeiras inteligentes são compostas por um sistema integrado de iluminação que combina painéis LED e sensores com sinalização específica que detecta quando o peão se aproxima da passadeira. Na maioria destas passadeiras o sensor activa automaticamente um conjunto de sinais LED, nos sinais verticais e pavimento, que avisam os condutores para a presença de um peão. Além de incrementar a segurança dos peões, o sistema pode substituir a colocação de semáforos nas passadeiras, diminuindo o tempo de espera dos condutores e dos peões.

Sustos frequentes nas passadeiras
A 10 de Outubro do ano passado, por exemplo, voltou a registar-se um atropelamento durante a noite numa passadeira junto ao Sobralinho, situação que veio avivar as preocupações com a falta de sinalização, pintura e iluminação destas passagens de peões. Os sustos nas passadeiras naquele troço da EN10 são frequentes segundo as corporações de bombeiros, e por vezes há mesmo acidentes mais graves que obrigam a transportar os peões ao hospital. Na última semana voltou a acontecer um novo atropelamento na chamada passadeira do Lidl, em Alverca, sem ferimentos graves para o peão, uma pessoa de 75 anos.
A Câmara de Vila Franca de Xira já tinha prometido analisar formas de avançar, a título experimental, com um projecto de melhoria da segurança nas passadeiras mais perigosas do concelho. A má pintura do piso e a escuridão em torno das passadeiras não ajudam quem vai ao volante, particularmente em dias de nevoeiro, chuva ou visibilidade reduzida. O projecto de transformação da EN10 em avenida urbana, sobretudo no troço que atravessa Alverca, já contempla um reforço da segurança nas passadeiras e a aposta na mobilidade suave. A Infraestruturas de Portugal também já tinha informado estar a promover a substituição de várias luminárias ao longo do percurso para dar maiores condições de segurança aos condutores e peões dentro da cidade.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1668
    12-06-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1668
    12-06-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo