Sociedade | 19-05-2023 10:00

Um curso pioneiro que prepara jovens especiais para o mercado de trabalho

Um curso pioneiro que prepara jovens especiais para o mercado de trabalho

O Instituto Politécnico de Santarém recebeu um seminário de conferências sobre literacia digital. O MIRANTE acompanhou o painel onde se debateu sobre inclusão e se ouviu testemunhos inspiradores de jovens ultrapassam obstáculos diariamente.

Daniela Maurício, Diogo Rosário e Marta são três jovens que frequentaram um curso inovador e pioneiro de Literacia Digital para o Mercado de Trabalho na Escola Superior de Educação de Santarém, do Instituto Politécnico de Santarém (IPS). O curso nasceu em 2018, pelas mãos de Maria Potes Barbas e da sua equipa, com o objectivo de dar competências a mais de uma dezena de jovens com necessidades educativas especiais. É um curso que foi distinguido com dois prémios e envolveu mais de 130 voluntários. O curso nasceu depois de uma visita a uma universidade de Madrid, que já tem provas dadas nesta área. Tem a duração de quatro semestres e envolve jovens com grau de incapacidade intelectual igual ou superior a 60%. O balanço final não poderia ter sido mais satisfatório: nove dos ex-alunos do curso conseguiram um lugar no mercado de trabalho.

Um deles é Diogo Rosário, um jovem natural de Perofilho, que todos os dias se deslocava de autocarro, sozinho, para o Complexo Andaluz do IPS, para fazer uma das coisas que mais gosta: aprender. Foi nas viagens de autocarro que conheceu Marta, natural do Cartaxo, também ela aluna do curso, embora tenha entrado mais tarde, e travaram uma amizade especial que ainda hoje dura.

Reportagem desenvolvida na próxima edição impressa de O MIRANTE.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1669
    19-06-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1669
    19-06-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo