Sociedade | 07-06-2023 07:00

Obra em escola de Alhandra pode custar mais 191 mil euros ao município

Revisão de preços pedida pela empresa era superior a 300 mil euros mas a Câmara de Vila Franca de Xira entende não haver lugar ao pagamento de mais de 191 mil euros.

A obra de ampliação e modernização da Escola Básica do 1º Ciclo nº2 de Alhandra pode vir a custar mais 191.136 euros aos cofres municipais do que o previsto. Em causa está um pedido de revisão de preços apresentado pelo empreiteiro, cujo valor inicial rondava os 300 mil euros. No entanto, um parecer jurídico do município entende só haver lugar ao pagamento de 191.136 euros.
A obra na escola básica do primeiro ciclo nº2 de Alhandra, recorde-se, custou um milhão e 376 mil euros. Os trabalhos eram há muito reclamados pela comunidade escolar já que a escola não tinha as melhores condições. As obras visam melhorar as condições de ensino e aprendizagem no recinto escolar actual, através não só do aumento da área disponível para criar novas salas de aula e apoio para os professores mas também o volume de construção será aumentado, permitindo eliminar os dois monoblocos existentes, onde as crianças têm aulas.
A também conhecida por “Escola das Meninas” sofreu com várias derrapagens do prazo de conclusão, devido a dificuldades envolvendo a actual conjuntura, a contratação de prestação de serviços de sub-empreitadas, a inflação crescente e a ausência de prazos de entrega dos fabricantes nacionais e internacionais, juntamente com a falta de stocks nos fornecedores o que estava a provocar atrasos na entrega de materiais.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1668
    12-06-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1668
    12-06-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo