Sociedade | 28-07-2023 07:00

Ex-bombeiro e funcionário da Câmara de Sardoal na prisão

Homem confessou a autoria de incêndios florestais que consumiram floresta e mato nos concelhos de Sardoal e Vila de Rei. Era funcionário da Câmara de Sardoal mas foi entretanto suspenso.

O Tribunal de Santarém condenou um ex-bombeiro do Sardoal a seis anos e seis meses de prisão por, no Verão de 2022, ter ateado oito fogos florestais nos concelhos do Sardoal e de Vila de Rei. O acórdão deu como provado que, em duas das vezes, o homem, actualmente com 44 anos, ateou fogos.
Segundo o tribunal, o homem ateou, em 15 de Junho de 2022, três incêndios, usando acendalhas e um isqueiro, no espaço de duas horas, e, em 23 de Agosto, pegou fogo a vegetação, com um isqueiro, na proximidade de dois edificados, no espaço de cinco minutos. Além disso, provocou também incêndios em áreas florestais nos dias 18 e 27 de Junho e 2 de Agosto desse ano.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1668
    12-06-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1668
    12-06-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo