Sociedade | 31-07-2023 11:49

Jogadora de setas da Chamusca perde a vida aos 18 anos

Jogadora de setas da Chamusca perde a vida aos 18 anos
foto dr

Carolina Castro era uma jovem muito acarinhada e que gostava muito de ser útil à comunidade da Chamusca e Pinheiro Grande. Perdeu a vida aos 18 anos de uma forma surpreendente.

Carolina Castro perdeu a vida de uma forma inexplicável aos 18 anos. Residente na União das Freguesias da Chamusca e Pinheiro Grande, era membro do Clube de Setas da Chamusca, associação fundada pelos seus pais, Celestina e Artur Castro, que actualmente exploram o bar da União Desportiva da Chamusca.

Carolina Castro faleceu na madrugada de sábado, 29 de Julho, por volta das 5 horas. As razões ainda estão por apurar, uma vez que o seu corpo ainda vai ser autopsiado. O MIRANTE falou com o presidente da União das Freguesias da Chamusca e Pinheiro Grande, Rui Martinho, que demonstrou muita consternação pela perda de uma menina que considera “muito amiga, justa, fraterna e solidária, que procurava ajudar a comunidade em que se encontrava inserida”. O autarca explicou que Carolina Castro participou há cerca de duas semanas numa saída com o Grupo de Danças e Cantares da Chamusca e do Ribatejo e terá apanhado uma insolação. Uma semana depois começou a ter convulsões e a sentir-se mal. Foi de urgência para o Hospital de Torres Novas, do Centro Hospitalar do Médio Tejo, mas pouco tempo depois foi encaminhada para o Hospital Dona Estefânia, em Lisboa, onde esteve em coma induzido durante vários dias, acabando por falecer a 29 de Julho.

Carolina Castro estava a participar na primeira edição do programa “Jovens Activos”, da união das freguesias. Durante as últimas semanas de vida, a jovem de 18 anos ocupou os seus tempos livres desempenhando actividades úteis à comunidade e que estimularam o espírito de cidadania, nomeadamente nas áreas do património, protecção civil, apoio social, desporto, animação sociocultural e ambiente. Carolina Castro, que deixa um irmão mais novo de quem era muito próxima, gostava de estar com as pessoas e de ver toda a gente a sorrir, acrescenta Rui Martinho.

Várias associações de setas do país partilharam nas suas páginas oficiais nas redes sociais o profundo pesar pela sua morte. Nos dias 12 e 13 de Agosto, vai realizar-se a primeira edição do Open Carolina Castro, uma prova de setas que pretende homenagear a sua vida e a importância que teve para a comunidade.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1665
    22-05-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1665
    22-05-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo