Sociedade | 08-09-2023 15:00

Pagava contas do patrão com dinheiro da junta 

Pagava contas do patrão com dinheiro da junta 
Pedro de Matos Carreira lesou a Junta de Freguesia de Santiago de Montalegre, concelho do Sardoal, onde era tesoureiro, em 135 mil euros. fotoDR

Investigação conclui que ex-secretário da Junta de Santiago de Montalegre, concelho de Sardoal, usou 135 mil euros para pagar contas de duas sociedades de um empresário de Vila de Rei.

O dinheiro serviu, em grande parte, para pagar contas de duas sociedades de um empresário de Vila de Rei, para o qual o político trabalhava. O DIAP já deduziu acusação contra os dois e as sociedades envolvidas.

O ex-secretário da Junta de Freguesia de Santiago de Montalegre, Sardoal, que lesou a autarquia em 135 mil euros, afinal estava a beneficiar duas empresas do seu patrão pagando contas e fazendo transferências para reforço da tesouraria com o dinheiro da autarquia. Esta foi a conclusão a que chegou o Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP) de Tomar que coordenou a investigação. O procurador veio já deduzir acusação contra o político, Pedro de Matos Carreira, e o empresário, Jorge Miguel Madeiras, em co-autoria, pelo crime de peculato de titular de cargo político na forma continuada e três crimes de falsificação de documento, sendo que o ex-secretário é acusado de um quarto crime destes. As duas sociedades são responsáveis pelo crime de peculato simples na forma continuada.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1672
    10-07-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1672
    10-07-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo