Sociedade | 11-10-2023 07:00

População de Foros da Charneca quer mais atenção do município

População de Foros da Charneca quer mais atenção do município
População dos Foros da Charneca fez ouvir as suas críticas e anseios aos autarcas de Benavente

A população está contra a obra de requalificação do largo na envolvente do Centro Social dos Foros da Charneca e quer que a Câmara de Benavente gaste o dinheiro noutras prioridades.

A população dos Foros da Charneca reclama da Câmara de Benavente mais investimento na localidade. Construção de passeios, rede de saneamento, passadeiras, lombas e pavimentos foram algumas das obras pedidas pelos populares, a par de um médico de família. Na reunião que decorreu na tarde de domingo, 1 de Outubro, no Centro Social dos Foros da Charneca, os moradores decidiram também de viva voz que não querem que avance o projecto de requalificação do espaço exterior ao centro social, e que a verba municipal de 150 mil euros seja canalizada para outros fins.
O presidente do município de Benavente, Carlos Coutinho, comprometeu-se a alcatroar a Rua de Montemor, em 2024, numa empreitada conjunta com o município de Coruche. O autarca garantiu que antes de acabar o mandato, em 2025, vai fazer obras na estrada municipal 515 e terminar a obra do posto médico.
A autarquia vai elaborar propostas para dar destino aos 150 mil euros previstos para o espaço exterior ao centro social. As mesmas serão submetidas à consideração dos moradores dos Foros numa próxima reunião nos mesmos moldes.
Durante a reunião levantaram-se vozes contra a construção de moradias sociais na localidade por receio da vinda de elementos de etnia cigana. Mas os presentes acabaram por votar favoravelmente a construção de cinco fogos, no âmbito da Estratégia Local de Habitação e que vão ficar no terreno municipal onde se realizam as festas.

Críticas à rede de transportes públicos
Uma das vozes mais cépticas foi a de Amaro Lopes. O morador encabeçou o abaixo-assinado que reuniu meia centena de subscritores e que levou para a praça pública as opiniões contra o projecto de requalificação da envolvente ao centro social. “Não vimos nada feito nos Foros da Charneca e não é de agora, é desde há dez anos. Entregámos no dia 30 de Março um abaixo-assinado e nunca recebemos resposta. Isso é muito feio”, disse o morador.
Outras moradoras deram ainda nota das dificuldades ao nível dos transportes públicos, neste caso da Ribatejana. “O serviço de transporte que temos é miserável. Existem autocarros a circular com quase 30 anos. Não pode ser. Está a ser criada uma empresa intermunicipal de transportes e acaba depois a Ribatejana”, disse Carlos Coutinho. Vai ser implementado no concelho de Benavente o transporte a pedido, tal como acontece com outros municípios que fazem parte da Comunidade Intermunicipal da Lezíria do Tejo.

Liga de Melhoramentos sem actividade
A Liga de Melhoramentos do lugar de Foros da Charneca foi constituída a 23 de Outubro de 1992 mas agora está inactiva e sem interessados em lhe dar continuidade. De acordo com Carlos Coutinho, cabe à população decidir se quer extinguir a Liga até porque esta entidade não pode ficar inactiva. Alguns cidadãos, como Amaro Lopes, manifestaram vontade de criar outra associação de índole recreativa e cultural e que represente os moradores. Caso isso aconteça o património da Liga reverte para a autarquia que depois o passa novamente para a nova entidade, caso seja criada.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1668
    12-06-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1668
    12-06-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo