Sociedade | 30-12-2023 15:16

Hospital Distrital de Santarém atinge limite de internamentos em cuidados intensivos

Hospital Distrital de Santarém atinge limite de internamentos em cuidados intensivos

Devido ao elevado número de doentes na Urgência a necessitarem de internamento, na maioria devido a infecções respiratórias, o HDS decidiu reforçar o número de camas.

O Hospital Distrital de Santarém (HDS) atingiu na sexta-feira, 29 de Dezembro, o limite da capacidade de internamento em cuidados intensivos, “com 60% dos casos a dever-se a infecções respiratórias”, tendo sido activado o nível 3 do plano de contingência, indicou a unidade de saúde.

Entre segunda e quinta-feira, o Serviço de Urgência do HDS atendeu uma média de 400 pacientes por dia (um aumento de 49 em média por dia em relação ao mesmo período do ano passado), chegando a 481 episódios de urgência na terça-feira. Dos 1.601 pacientes que passaram pela Urgência nesses quatro dias, incluindo 505 na Urgência Pediátrica, 147 tiveram que ficar internados. De acordo com o hospital, tal como na Unidade de Cuidados Intensivos, a maior parte dos casos atendidos na Urgência dizem respeito infecções respiratórias.

“Face ao elevado número de doentes na Urgência a necessitarem de internamento, o HDS decidiu activar o nível 3 do plano de contingência, reforçando o número de camas de internamento”, adianta ainda o hospital. Na nota, o HDS alerta ainda à população para que evite ir às urgências com sintomas leves de doença, pois isso prejudica o atendimento dos casos realmente urgentes e que “requerem cuidados imediatos e inadiáveis”.

“O HDS reforça ainda a importância de a população seguir as recomendações da Direção-Geral da Saúde para as temperaturas frias e perante sintomas gripais, assim como de utilizar a Linha de Saúde (808 24 24 24) antes de se deslocar aos serviços de urgência”, lê-se na nota.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1653
    28-02-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1653
    28-02-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo