Sociedade | 14-01-2024 07:00

CDU de Torres Novas quer alargamento dos TUT a todas as freguesias

Coligação liderada pelo PCP defendeu em assembleia municipal que o não alargamento da rede de transportes a todas as freguesias é o protelar de uma situação de desigualdade social. Presidente do município falou numa aposta contínua que vai trazer uma nova linha e a gratuitidade em 2024.

A CDU de Torres Novas defendeu na última sessão da assembleia municipal o alargamento da rede de Transportes Urbanos Torrejanos (TUT) a todas as freguesias do concelho, considerando que a não adopção desta medida é o prolongar de uma “situação de desigualdade entre os habitantes das diferentes freguesias”.
“A extensão da rede de TUT a todas as freguesias tem que ser encarada pela gestão municipal como uma medida propiciadora da coesão social”, afirmou o eleito Júlio Costa, acrescentando que “não é aceitável que se justifique o não alargamento da rede, com o facto de o protocolo que dá suporte à existência dos TUT apenas permitir transporte em meios urbanos”. Para a CDU, se o protocolo em vigor “não serve”, compete à Câmara de Torres Novas “alterá-lo ou criar um outro complementar que ajude a eliminar esta situação discriminatória que é gerada pelo funcionamento distorcido de um serviço municipal”.
O presidente do município, Pedro Ferreira (PS), salientou em resposta que a autarquia tem apostado numa melhoria da rede TUT, sendo disso exemplo o facto de, desde Janeiro, aqueles transportes terem passado a ser gratuitos para toda a população. “Vai ser importante para as famílias torrejanas. Esperamos que a gratuitidade traga mais gente para a utilizar os TUT, que têm de ser mais utilizados por jovens, por mais pessoas que continuam a trazer os carros para o meio da cidade”, disse.
O autarca socialista referiu ainda que o novo concurso dos TUT vai ser exclusivo para viaturas eléctricas e que vai estar disponível uma nova linha, a circular de hora a hora, para ligar Torres Novas à estação de comboios de Riachos.

Petição para alargamento da rede com 300 assinaturas em Pedrógão
Em Pedrógão foram cerca de 300 os subscritores de um abaixo-assinado a reclamar o alargamento dos TUT àquela freguesia. A petição acabou por ser a base de uma moção apresentada pela CDU na Assembleia de Freguesia de Pedrógão, que acabou chumbada. No documento, a CDU propunha à junta e à assembleia de freguesia que, entre outras coisas, pressionasse a câmara municipal no sentido serem tomadas medidas para que, rapidamente, a rede de TUT possa servir de forma regular e eficiente a freguesia de Pedrógão. Foi, no entanto, aprovada uma outra moção, apresentada pela junta de freguesia, em que se propõe envolver a empresa Meio neste processo.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1653
    28-02-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1653
    28-02-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo