Sociedade | 29-02-2024 11:11

Município e Cerci de Azambuja renovam protocolo do projecto Bata Branca

Município e Cerci de Azambuja renovam protocolo do projecto Bata Branca

Protocolo foi renovado e assegura a continuidade do projecto de cuidados de saúde até 31 de Dezembro.

A Câmara de Azambuja e a Cerci Flor da Vida renovaram, na manhã de quarta-feira, 28 de Fevereiro, a assinatura do protocolo que assegura a continuidade do projecto de cuidados de saúde designado de Bata Branca até 31 de Dezembro deste ano. No acto, que decorreu nos Paços do Concelho, estiveram presentes o presidente do município, Silvino Lúcio, e o presidente do conselho de administração da Cerci Flor da Vida, José Manuel Franco.

No presente protocolo, refere o município em comunicado, mantém-se a comparticipação do município em 13 euros por cada hora de actos prestados, ao abrigo do projecto Bata Branca. No entanto, há um reforço do limite mensal que passa de 4.888 euros para 5.800 euros.

“A autarquia passa, assim, a disponibilizar uma verba máxima anual de 69.600 euros para apoiar as consultas médicas e os cuidados de saúde destinados à população do concelho sem médico de família atribuído. Por sua vez, a Cerci Flor da Vida continuará a assegurar a operacionalização do programa e a enviar ao município as estatísticas mensais dos actos realizados e dos utentes abrangidos.

Recorde-se que a continuidade do projecto esteve em risco, depois de a Cerci ter afirmado em comunicado que não tinha condições para lhe dar continuidade a partir de 1 de Março devido ao atraso na assinatura dos protocolos entre o município, a Administração Central dos Serviços de Saúde (ACSS) e a instituição. Situação que travou a transferência de verbas para a Cerci pagar aos médicos afectos ao projecto.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1660
    17-04-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1660
    17-04-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo