Sociedade | 21-03-2024 12:00

Empreitada para proteger de derrocada em Casais do Farol concluída em Julho

Empreitada para proteger de derrocada em Casais do Farol concluída em Julho
foto Google

Obra de estabilização da estrada e talude em Casais do Farol derrapou no tempo, tendo agora como previsão para o seu término o mês de Julho.

A empreitada para a estabilização da plataforma e do talude na Estrada Casais do Farol foi retomada em Dezembro, após um período de suspensão, e deverá ficar concluída em Julho. Pelo menos é essa a expectativa do município de Azambuja que sublinha, em comunicado, que a “obra é composta por trabalhos muito específicos e complexos”.

Foram já executados todos os trabalhos de instalação de microestacas e de construção do muro de gabiões, estando a decorrer a execução das vigas e do guarda-corpos de betão armado. Seguir-se-á a aplicação de geocomposto para revestimento do talude contra erosão, reforçado com malha metálica hexagonal de dupla torção. Na fase final da empreitada será feita a pavimentação daquela via e instalada sinalização horizontal e vertical.

A obra adjudicada à empresa ANCORPOR – Geotecnia e Fundações pelo valor de 317 mil euros arrancou em Julho do ano passado e o prazo de execução inicial era de 180 dias. A necessidade da realização desta empreitada com carácter de urgência, recorde-se, foi determinada no anterior mandato, em Dezembro de 2020, depois de o vereador Rui Corça (PSD), ter deixado o alerta para uma possível derrocada devido ao mau estado do talude de sustentação dos depósitos de água. O atraso para o início da empreitada deveu-se, segundo disse na altura o presidente do município, Silvino Lúcio, ao facto de os dois primeiros concursos públicos terem ficado desertos.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1660
    17-04-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1660
    17-04-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo