Sociedade | 12-04-2024 18:00

Mariana Graça foi diagnosticada com ansiedade mas afinal tinha embolia

Mariana Graça foi diagnosticada com ansiedade mas afinal tinha embolia
Carla Ferreira conta que a sua filha, Mariana Graça, de 27 anos, foi diagnosticada com ansiedade quando na verdade teve uma embolia pulmonar

Caso ocorreu no Hospital de Torres Novas. Mariana Graça sofreu uma embolia pulmonar. Mãe critica atitude do médico que atendeu a filha e lhe diagnosticou crise de ansiedade.

Carla Ferreira, mãe de Mariana Graça, de 27 anos, que sofreu uma embolia pulmonar, critica atitude do médico que atendeu a sua filha e lhe diagnosticou uma crise de ansiedade quando a jovem estava a ter uma embolia pulmonar. A mãe elogia a forma como a sua filha foi tratada no Hospital Distrital de Santarém, que rapidamente percebeu a gravidade da situação e encaminhou a paciente para o Hospital de Santa Marta, em Lisboa.

Carla Ferreira tem vivido dias de angústia depois de a sua filha, Mariana Graça, de 27 anos, ter dado entrada no Hospital de Torres Novas com sintomas de cansaço extremo e falta de ar no peito. Diagnosticaram-lhe ansiedade, mas afinal o problema de saúde resultou de uma embolia pulmonar. Foi já no Hospital Distrital de Santarém, para onde a paciente foi reencaminhada, que se detectou a doença, tendo a jovem sido transferida para o Hospital de Santa Marta, em Lisboa. O MIRANTE contactou a Unidade Local de Saúde Médio Tejo que informou que, apesar de não haver qualquer reclamação formal sobre esse episódio, o conselho de administração deliberou a abertura de um processo de inquérito.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1664
    15-05-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1664
    15-05-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo