Sociedade | 26-04-2024 15:00

Suiniculturas ilegais em Coutada Velha são martírio para pessoas e animais

População vive com cheiros insuportáveis das suiniculturas e diz-se agastada com passividade com que problema tem sido tratado. Prazo para encerramento das empresas terminou há dois meses mas uma delas continua a receber novos animais.

Há pelo menos duas décadas que os habitantes de Coutada Velha, no concelho de Benavente, se queixam dos maus odores provenientes da laboração de suiniculturas próximas das suas habitações. O problema é antigo e deveria ter tido o seu desfecho em Fevereiro com o encerramento das mesmas, mas tal não se verificou. Entre os moradores afectados há quem não se conforme e critique a passividade da Câmara de Benavente.
“Há 30 anos que moro na Coutada Velha e há 20 que as suiniculturas são um incómodo por causa do cheiro. Não se consegue estender roupa, estar na rua ou em casa de janelas abertas”, lamenta a O MIRANTE Ana Paula Jesus, garantindo que recentemente, já depois do término do prazo para o encerramento das suiniculturas, uma delas - “a que mais incomoda” - recebeu nova entrada de porcos.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1664
    15-05-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1664
    15-05-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo