Sociedade | 02-05-2024 11:17

Politécnico de Tomar promoveu curso intensivo dedicado à gastronomia como património cultural

Politécnico de Tomar promoveu curso intensivo dedicado à gastronomia como património cultural

Iniciativa promovida pelo Instituto Politécnico de Tomar teve como objectivo promover o conhecimento do património cultural da região ribatejana.

No âmbito do programa Erasmus +, o Politécnico de Tomar (IPT) realizou um curso intensivo misto (Blended Intensive Programme – BIP) em “Gastronomia como Património Cultural”, no qual participaram 19 investigadores, professores e staff das relações internacionais da University of South Bohemia in České Budějovice (Chéquia), University of Camerino (Itália), D. A. Tsenov Academy of Economics (Bulgária) e Opole University of Technology (Polónia).
O curso contou com uma sessão virtual onde foi proferida uma palestra sobre as Regiões Gastronómicas de Portugal. A parte presencial decorreu entre 23 e 28 de Abril no campus do IPT. Durante os dias do curso, os participantes tiveram a oportunidade de conhecer a gastronomia e os produtos da região ribatejana, através de um showcooking, mas também de diversos workshops sobre dietas à base de plantas, doçarias tradicionais, gastronomia molecular, cozinha pré-histórica, cultivo e utilização do chícharo na alimentação, bem como de participar numa prova de vinhos da região. O programa incluiu ainda uma visita ao Convento de Cristo e às salinas de Rio Maior e uma caminhada em Alvados, no Parque Natural da Serra de Aire e Candeeiros.
Esta foi mais uma iniciativa promovida no âmbito da universidade europeia KreativEU, que envolve 11 universidades europeias e é liderada pelo Politécnico de Tomar, sendo um dos objectivos a disseminação e compreensão do património cultural.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1665
    22-05-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1665
    22-05-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo