Sociedade | 18-05-2024 18:00

Obras na Escola Secundária de Vialonga vão custar 20 milhões de euros

Obras na Escola Secundária de Vialonga vão custar 20 milhões de euros
Fernando Paulo assinou protocolo para obras na escola de Vialonga

Foi assinado o protocolo que vai possibilitar a reabilitação e ampliação da Escola Básica 2,3 e Secundária de Vialonga. Intervenção de fundo vai ser financiada em 17 milhões de euros pelo Programa de Recuperação e Resiliência.

O presidente da Câmara Municipal de Vila Franca de Xira, Fernando Paulo Ferreira assinou a 7 de Maio o protocolo para a reabilitação e ampliação da Escola Básica 2,3 e Secundária de Vialonga, no âmbito da candidatura ao Programa de Recuperação e Resiliência (PRR). A empreitada prevê um investimento total superior a 19 milhões de euros, sendo o financiamento PRR superior a 17 milhões de euros e o município de Vila Franca de Xira assegura um valor de cerca de dois milhões de euros.
A cerimónia de assinatura de contratualização do Programa Escolas, ao abrigo do PRR, teve lugar no auditório da omissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR) de Lisboa e Vale do Tejo, em Lisboa, na presença do primeiro-ministro, Luís Montenegro, e do ministro adjunto e da Coesão Territorial, Manuel Castro Almeida, que tem a tutela da gestão dos fundos europeus.
A requalificação da escola de Vialonga vai permitir aumentar a capacidade de 47 para 57 salas de aula. Esta intervenção irá possibilitar o alargamento da oferta lectiva, considerando que actualmente apenas existe o ensino secundário na via profissional e passará a existir capacidade para o ensino secundário regular. Serão também adicionadas novas valências como um auditório, um campo de jogos coberto e uma sala de ginástica.
Destaca-se ainda a criação de salas de aula diferenciadas, com todas as condições de funcionalidade e totalmente equipadas, como os laboratórios de ciências e fotografia, desenho, artes visuais e tecnologia de informação. Após as obras a escola terá capacidade para maior conforto térmico e um aumento significativo da sua eficiência energética. De referir ainda que a escola ficará dotada de condições para utilizadores com mobilidade condicionada, com acesso a todas as valências do estabelecimento de ensino.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1669
    19-06-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1669
    19-06-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo