Sociedade | 01-06-2024 07:00

Zona ribeirinha de Benavente acolhe projecto para proteger abelhas

Projecto-piloto de restauro ecológico vai criar áreas de refúgio na zona ribeirinha de Benavente para proteger insectos polinizadores, como as abelhas.

A Câmara de Benavente deu início a um projecto-piloto de restauro ecológico focado na preservação das zonas verdes e vivas, com o objectivo de proteger polinizadores como abelhas, borboletas, besouros e joaninhas, aranhas e morcegos. Reconhecendo a importância crucial dos insectos, especialmente das abelhas, o projecto vai criar áreas de refúgio nos jardins e espaços comunitários para fornecer recursos alimentares e locais de nidificação para os polinizadores.
A iniciativa será implementada na zona ribeirinha de Benavente, onde, até ao final da Primavera, a vegetação herbácea entre o topo e a base dos taludes não será cortada, promovendo uma área de 700 m² com flora silvestre e espontânea. Esta vegetação servirá de alimento e refúgio para os insectos.
O projecto-piloto baseia-se em iniciativas semelhantes já realizadas em municípios portugueses, como Lousada, Águeda e Guimarães, e em cidades europeias, como Amesterdão e Berlim. Os insectos enfrentam um risco crescente de extinção devido a alterações profundas no seu habitat, como o uso de fitofármacos e a monocultura agrícola, que têm contribuído para um declínio acentuado no número de polinizadores a nível global.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1669
    19-06-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1669
    19-06-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo