Sociedade | 03-06-2024 07:00

Câmara removeu 34 toneladas de lixo de zona industrial de Vialonga

Câmara removeu 34 toneladas de lixo de zona industrial de Vialonga

Infractores continuam a despejar resíduos e lixo no parque industrial do Olival das Minas pela calada da noite apesar de alguns já terem sido alvo de contra ordenações por parte da divisão de fiscalização municipal. Por enquanto o crime vai compensando.

Não restou outra alternativa ao município de Vila Franca de Xira senão realizar às suas custas uma acção de limpeza, que durou dois dias, para remover quase 34 toneladas de lixo e resíduos que ao longo de quase um ano foram sendo ilegalmente depositados no parque industrial do Olival das Minas em Vialonga.
Um trabalho que para muitos é inglório já que a probabilidade do espaço estar na mesma daqui a um ano é elevada, uma vez que muitos infractores despejam os resíduos pela calada da noite e a sua identificação nem sempre é fácil ou possível.
O município removeu madeiras, cartão, restos de móveis e porcelanas sanitárias, bem como resíduos de obras e sacos com outros materiais, como areias e entulhos. O problema há muito que causava queixas, não apenas da vizinhança mas também dos autarcas, que criticavam a passividade dos serviços de fiscalização e das autoridades perante aquele que era um exemplo de desleixo e incúria.

* Notícia desenvolvida na próxima edição impressa de O MIRANTE

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1669
    19-06-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1669
    19-06-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo