Sociedade | 03-06-2024 10:00

Cartaxo trabalha para licenciar parque subterrâneo e avançar com estacionamento pago

Cartaxo trabalha para licenciar parque subterrâneo e avançar com estacionamento pago
Município espera efectivar ainda este ano o estacionamento tarifado

Município vai realizar obras no parque subterrâneo do Cartaxo com vista ao seu licenciamento. A intenção é de avançar com o estacionamento pago nesse parque ainda este ano, para resolver o problema do estacionamento abusivo.

O tema do parque de estacionamento subterrâneo do Cartaxo voltou à reunião de câmara pela voz do socialista Fernando Amorim, que deu conta de uma contratação para reparação dos vidros das caixas dos elevadores. Ter os elevadores a funcionar é um passo para o licenciamento do parque e posterior implementação do estacionamento tarifado, que se espera efectivar este ano. Como O MIRANTE noticiou em Agosto de 2023, há cidadãos a ocupar lugares nessa infraestrutura como se fosse uma garagem privada, impedindo que haja rotatividade de lugares, por exemplo, para quem se queira deslocar ao comércio.
Segundo o presidente da Câmara do Cartaxo, João Heitor, as tarifas servem apenas para regular o estacionamento e serão “taxas baixas que não vão alterar a estrutura financeira do município”. O vice-presidente, Pedro Reis, explicava em Agosto passado que as obras com vista ao licenciamento custam “várias dezenas de milhares de euros” e que “o parque tem muitos problemas desde as portas de abertura à falta de elevadores”.
Recorde-se que o parque subterrâneo foi construído durante a presidência do socialista Paulo Caldas, na mesma altura em que se construiu a praça que envolve os paços do concelho e levou à alteração da circulação na Estrada Nacional 3, que atravessa a cidade do Cartaxo.
Em Outubro de 2023, a Câmara do Cartaxo começou a colocar notificações de aviso nos carros estacionados no parque há mais de 30 dias. “Apelamos aos proprietários dos veículos que os retirem do local porque depois são serviços municipais a fazê-lo e colocá-los num depósito de onde só sairão após pagamento de coima”, apelou João Heitor, sendo que na altura foram retirados da rua e do parque subterrâneo mais de 60 viaturas.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1668
    12-06-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1668
    12-06-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo