Sociedade | 16-06-2024 21:00

Primeiro carro dos Bombeiros de Almeirim rebaptizado pela madrinha 73 anos depois

Primeiro carro dos Bombeiros de Almeirim rebaptizado pela madrinha 73 anos depois
Presidente da Câmara de Almeirim, Pedro Ribeiro, Secretário de Estado da Protecção Civil, Paulo Simões Ribeiro, comandante dos Bombeiros Voluntários de Almeirim, Telmo Ferreira, e a madrinha do primeiro carro da corporação, Maria do Rosário Cantante Mota, nos 75 anos dos bombeiros

Os Bombeiros Voluntários de Almeirim comemoraram 75 anos de vida no Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas, com a apresentação da recuperação do primeiro carro da corporação, que entrou ao serviço em 1951 e que foi rebaptizado pela madrinha de então, Maria do Rosário Cantante Mota. O presidente da câmara e dos bombeiros, Pedro Ribeiro, aproveitou a cerimónia para dizer que há corporações a mais no país.

Nas comemorações dos 75 anos dos Bombeiros Voluntários de Almeirim, no dia 10 de Junho, a corporação recuperou o primeiro carro oferecido na altura pelo doutor Cantante, em 1951. A viatura que ainda não tem motor porque está a ser reparado, depois de o original Dodge ter sido derretido na siderurgia. O motor estava numa oficina da cidade que entregou as sucatas a um sucateiro que por engano levou o motor, o que só foi descoberto muito tempo depois. Mas a corporação ainda conseguiu arranjar um motor importado que vai ser colocado na viatura que foi rebaptizada pela madrinha e filha do benemérito, que então tinha nove anos de idade, Maria do Rosário Cantante Mota.
Ser madrinha da primeira viatura dos bombeiros foi a última coisa que fez na cidade em termos sociais, uma vez que a seguir Maria Cantante Mota foi para Lisboa onde tem vivido, mas vem com regularidade a Almeirim. A ida para Lisboa, conta, deveu-se a razões de saúde porque a mãe, natural da cidade, tinha asma e não se dava com o clima húmido de Almeirim. Maria Cantante Mota lembrou que o seu pai, apesar de não ser de Almeirim, tinha uma grande admiração pela terra e teve um importante papel social, que os mais velhos ainda se recordam.
Na cerimónia, que decorreu no cine-teatro, com a presença do secretário de Estado da Protecção Civil, Paulo Simões Ribeiro, que disse que a sua presença é um gesto de agradecimento aos bombeiros pelo que fazem e às suas famílias, foi promovido a sub-chefe o bombeiro Bruno Veríssimo. Dezenas de elementos da corporação, entre os que estão no activo e os que estão no quadro de honra foram agraciados com medalhas de assiduidade e outros com medalhas de agradecimento e de mérito, numa cerimónia que demorou quatro horas e meia e que só é feita de cinco em cinco anos.
O vice-presidente dos bombeiros, porque o presidente, Pedro Ribeiro, estava a desempenhar o papel de presidente da câmara, salientou que o voluntariado continua a ter um papel importante. Paulo Caetano, que também é vice-presidente da autarquia, anunciou que está a ser preparado um projecto de requalificação do quartel, orçada em cerca de um milhão de euros. Realçou também que o trabalho que tem sido desenvolvido com as escolas de cadetes e de infantes permite garantir o futuro.

Há corporações de bombeiros a mais
Pedro Ribeiro também se referiu ao voluntariado, dizendo que ser voluntário não é ser amador e que a corporação está dotada de gente com capacidade para responder às necessidades da população e com formação. O autarca destacou ainda que metade do efectivo da corporação é profissional. O também presidente dos bombeiros disse, em tom crítico, realçando que até pode parecer mal o que pensa, considera que há corporações a mais no país.
Pedro Ribeiro defendeu a criação de um programa de incentivos para que os corpos de bombeiros se possam agregar e assim resolver esta questão, que considera premente. E explica que a junção de corporações, coisa que já foi tentada em Santarém onde há voluntários e sapadores, sem nuca se ter conseguido, é importante para se acabar com uma fonte de consumo de recursos e desperdício de meios.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1673
    17-07-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1673
    17-07-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo