Sociedade | 08-07-2024 21:00

Ourém trabalha para garantir um desenvolvimento social equilibrado e inclusivo

Executivo municipal aprovou dois documentos que vão servir como ferramentas indispensáveis para dar respostas sociais no concelho de Ourém.

O Diagnóstico Social e Plano de Desenvolvimento Social do município de Ourém são dois documentos que foram aprovados por unanimidade na sessão camarária de 4 Julho e que pretende ser uma ferramenta indispensável para a compreensão e melhoria das condições sociais do concelho.
O Diagnóstico Social identifica um conjunto de problemáticas e vulnerabilidades que requerem uma abordagem multidimensional e integrada. Juntamente com a Carta Social Municipal, o Diagnóstico Social e o Plano de Desenvolvimento Social constituem instrumentos fundamentais de planeamento. As ferramentas, segundo o município liderado por Luís Albuquerque, permitem identificar claramente as principais áreas de intervenção necessárias para promover um desenvolvimento social equilibrado e inclusivo em Ourém.
Os documentos abrangem diversas áreas e temas cruciais para o bem-estar e progresso do concelho, com especial enfoque no envelhecimento da população, na imigração e nas estratégias locais de resposta aos problemas sociais. Os tópicos são analisados em pormenor, com o objectivo de encontrar soluções eficazes para os desafios sociais que Ourém enfrenta. “Com a aprovação destes instrumentos, o município de Ourém reforça o seu compromisso em trabalhar para a inclusão da comunidade, assegurando que todos os cidadãos tenham acesso a melhores condições de vida”, refere a autarquia.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1672
    10-07-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1672
    10-07-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo