Sociedade | 08-07-2024 15:00

Plano de Cogestão da Reserva do Estuário do Tejo vai para consulta pública

Plano abrange um horizonte temporal de quatro anos, de 2025 a 2028 e estabelece um conjunto de medidas e acções específicas para a valorização, comunicação, promoção, sensibilização e conservação dos valores naturais da reserva.

O Plano de Cogestão da Reserva Natural do Estuário do Tejo (RNET) vai ser submetido a consulta pública de 15 de Julho a 30 de Setembro de 2024 e a proposta de submissão do plano para consulta foi aprovado em reunião da Câmara de Vila Franca de Xira.
A consulta pública permitirá que cidadãos e entidades interessadas participem no processo de cogestão, contribuindo com sugestões e comentários que poderão ser integrados no plano final. Este processo participativo é considerado crucial para assegurar que o plano reflecte as necessidades e expectativas da sociedade em relação à Reserva Natural do Estuário do Tejo. Este modelo promove uma relação mais próxima entre os cidadãos e entidades relevantes, incentivando o desenvolvimento sustentável através da promoção, sensibilização e comunicação dos valores naturais.
O Plano de Cogestão da RNET alinha-se com a Estratégia Nacional de Conservação da Natureza e Biodiversidade 2030 e será executado no âmbito do protocolo celebrado entre o Fundo Ambiental, o Instituto de Conservação da Natureza e Florestas (ICNF) e o Município de Vila Franca de Xira, abrangendo um horizonte temporal de quatro anos, de 2025 a 2028 e estabelece um conjunto de medidas e acções específicas para a valorização, comunicação, promoção, sensibilização e conservação dos valores naturais da reserva.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1673
    17-07-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1673
    17-07-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo