uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Centro Social Serra do Alecrim quer implementar famílias de acolhimento

Centro Social Serra do Alecrim quer implementar famílias de acolhimento

Instituição Particular de Solidariedade Social da freguesia de Alcanede é um precioso apoio para diferentes gerações.

Edição de 21.09.2017 | Economia

O Centro Social Serra do Alecrim quer colocar em curso dois projectos brevemente: um será a criação de um centro de enfermagem e de cuidados de saúde com serviços de enfermagem e fisioterapia para ser usufruído por toda a comunidade local; o outro é a adesão ao projecto de famílias de acolhimento de idosos da Segurança Social. “Estamos a tentar organizar o processo para ver se na comunidade há famílias que queiram aderir a este projecto e possam receber na sua casa idosos com o apoio da instituição”, explica Rute Torres, directora técnica da instituição.
Foi no ano 2000 que um grupo de habitantes da freguesia de Alcanede, no concelho de Santarém, pertencente ao Conselho Directivo da Assembleia de Compartes dos Baldios de Valverde, Pé da Pedreira, Barreirinhas e Murteira, entendeu que na comunidade não existiam as respostas necessárias para acompanhar, sobretudo, as crianças e os idosos e decidiram avançar para a criação do Centro Social Serra do Alecrim. O grupo começou a dar nova vida à Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS) em 2008 quando viu aprovado o projecto de construção das instalações, através do programa PARES da Segurança Social.
“Abrimos as portas do edifício em Novembro de 2011 com as valências de lar de idosos com capacidade para 30 idosos, centro de dia para 25 idosos e creche para 33 crianças. Em 2012 aderimos ao projecto das Cantinas Sociais em parceria com o Conselho Local de Acção Social de Santarém e, no mesmo ano, aumentámos a capacidade do lar para 36 camas e iniciámos o serviço de apoio domiciliário, apoiando oito idosos. Em 2013 começámos a distribuir cabazes alimentares a famílias carenciadas da zona, em parceria com o Banco Alimentar e, um ano depois, passámos a dispor de um banco de ajudas técnicas e produtos de apoio”, conta a O MIRANTE a directora técnica.
“Começámos com três idosos no centro de dia, 30 idosos no lar, um pedido de apoio domiciliário e três crianças na creche. Actualmente contamos com 20 idosos no centro de dia, 36 no lar, 15 pedidos de apoio domiciliário e 19 crianças na creche”, adianta Rute Torres, referindo que o centro social fornece ainda diariamente 20 refeições, através da Cantina Social, e distribui cabazes alimentares a 20 famílias. “Acompanhamos, sobretudo, idosos da freguesia de Alcanede, mas também das freguesias mais próximas, nomeadamente da Mendiga, concelho de Porto de Mós, e de Amiais de Baixo, apesar de o nosso lar poder receber, desde 2009, idosos de todo o país”, explica.
Com um orçamento anual de mais de 700 mil euros, Jorge Venceslau, presidente da direcção, afirma que não é fácil manter o edifício, “até porque quando veio para as nossas mãos, veio com várias dívidas”. “O que vale é o facto de termos alguns lugares no lar de idosos em regime privado e também os apoios pontuais do Conselho Directivo dos Baldios através dos idosos que recebem uma reforma abaixo dos 500 euros. Doutra forma seria mais difícil”, admite a directora técnica da instituição.

Ao serviço da comunidade

Actualmente, o Centro Social Serra do Alecrim conta com 35 funcionários a tempo inteiro, 14 voluntários e 90 utentes distribuídos pelas valências de apoio domiciliário, centro de dia, lar de idosos e creche. Entre os serviços que a instituição oferece aos seus utentes estão cabeleireiro, enfermagem, lavandaria, actividades de socialização, preparação de medicação e consultas, pedidos de receitas, aquisição de pequenas compras e de medicamentos. Já à comunidade local, o centro disponibiliza, de forma gratuita, ajudas técnicas, como cadeiras de rodas, andarilhos e canadianas.

Centro Social Serra do Alecrim quer implementar famílias de acolhimento

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...