Cavaleiro Andante | 09-05-2019 10:00

É como se fosse...da família.

É como se fosse...da família.
CAVALEIRO ANDANTE

Em Outubro de 2014, quando foi nomeado para chefe de gabinete do presidente da Câmara do Entroncamento, Mário Balsa, que era eleito do PS na assembleia municipal, demitiu-se daquele órgão

Em Outubro de 2014, quando foi nomeado para chefe de gabinete do presidente da Câmara do Entroncamento, Mário Balsa, que era eleito do PS na assembleia municipal, demitiu-se daquele órgão que, como é sabido, tem como função fiscalizar os actos da câmara municipal mas em Outubro de 2017, tendo sido reeleito para a assembleia municipal e reconduzido no cargo de chefe de gabinete, Mário Balsa manteve-se como eleito da assembleia municipal e até é o porta voz da bancada. O Cavaleiro Andante lamenta que o autarca não tenha reparado o rombo na canalização por onde lhe saiu a ética toda. No entanto, perante outros casos de perdas do mesmo produto por rupturas na rede da democracia, lembra o sábio ditado do povo. “Quem sai aos seus...”

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1423
    03-10-2019
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1423
    03-10-2019
    Capa Médio Tejo