Chutar para canto

Chutar para canto

O Grupo Desportivo O Coruchense queixou-se de falta de apoio da Câmara de Coruche.

O Grupo Desportivo O Coruchense queixou-se de falta de apoio da Câmara de Coruche e da ausência do presidente do município, Francisco Oliveira, nas três reuniões da assembleia-geral do clube. Quem deu os recados foi o vereador da CDU, Carlos Peseiro, que disse que nos outros municípios apoiam mais os clubes de futebol. Pelos vistos, 65 mil euros de apoio anual não chegam e O Coruchense quer mais. Mas Francisco Oliveira já disse que há que ser racional e que não é legal pagar salários a jogadores de futebol. Quanto às assembleias-gerais o autarca disse “que a bodas e baptizados só vai quem é convidado” e assim chutou o assunto para canto....

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1653
    28-02-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1653
    28-02-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo