Os cavaleiros andantes não votam mas escrevem

Os cavaleiros andantes não votam mas escrevem

As eleições legislativas que se vão realizar a 10 de Março podem ser as mais surpreendentes dos últimos 50 anos.

As eleições legislativas que se vão realizar a 10 de Março podem ser as mais surpreendentes dos últimos 50 anos, que são os anos que a revolução de Abril e dos cravos vermelhos vai comemorar durante 2024. Toda a gente confia que os partidos do arco do poder vão continuar a eleger os seus dedicados militantes e homens de negócios, que fazem um jeitinho na política para ganharem o direito a irem para o céu quando morrerem. Nem o aparecimento do Diabo, que parece vir por aí, travestido de Messias, levou o PS e o PSD a mudarem o estilo, as caras, as promessas, os estilos e a arrogância. Como toda a gente sabe estas páginas são escritas por um Cavaleiro Andante inspirado na grande figura que Cervantes imortalizou no seu D. Quixote de La Mancha. A grande diferença é que Cervantes resolveu tornar-se Cavaleiro Andante para lutar pelo amor de Dulcineia, uma mulher imaginária. Este que vos escreve resolveu armar-se Cavaleiro para lutar por uma sociedade mais justa, contra os analfabetos, patifes e vendedores de banha da cobra, tudo gente que embora seja de carne e osso comporta-se como se vivesse numa redoma.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1660
    17-04-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1660
    17-04-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo