O rancoroso Domingos Chambel que tinha como missão de vida emprestar dinheiro à Nersant

O rancoroso Domingos Chambel que tinha como missão de vida emprestar dinheiro à Nersant

Domingos Chambel tem 72 anos e a maior parte da sua vida foi vivida como empresário.

Domingos Chambel tem 72 anos e a maior parte da sua vida foi vivida como empresário. Dizem que está rico mas a verdade é que, como presidente da Nersant durante um mandato, não conseguiu dar continuidade ao trabalho de dez anos de Salomé Rafael que herdou 17 anos de trabalho de José Eduardo Carvalho.
Chambel passou um mandato recente a dirigir a Nersant sem meter mãos ao trabalho, gerindo conflitos que já tinha antes de chegar à presidência, e zangas que foi despoletando a torto e a direito, principalmente com funcionários e parceiros da associação. Sem vagar para o essencial, faltou-,lhe também crédito junto dos bancos para resolver os problemas de tesouraria de uma associação que lhe foi entregue com um património valioso. Numa atitude kafkiana, emprestou dinheiro do seu bolso em condições que são uma vergonha para quem sempre teve como objectivo de vida dirigir uma associação com o prestígio da Nersant.
A notícia dos contornos deste empréstimo (ver notícia nesta edição) é o sinal da vergonhosa forma de gerir de Domingos Chambel e mostra a sede ao pote que ele tem para destruir a associação ou ficar com ela para troféu da sua vida falhada, sabe Deus em quê e porquê. A região e os empresários não mereciam um rancoroso e falhado dirigente analfabeto como Domingos Chambel.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1664
    15-05-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1664
    15-05-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo