O protesto do costume

O protesto do costume

A vereadora do Chega na Câmara de Azambuja voltou a protestar por causa do horário das reuniões como vem sendo recorrente neste mandato.

Inês Louro, que é advogada de profissão, alega que as reuniões às terças-feiras, às 09h30, prejudicam “gravemente” a sua actividade profissional. O presidente do município, Silvino Lúcio, recordou que a vereadora se pode fazer substituir pelo elemento seguinte da lista, uma possibilidade legal que Inês Louro não tem adoptado com frequência. O Cavaleiro Andante não duvida que se fosse há uns aninhos, naqueles tempos em que os dois eram amigos do peito, o socialista ainda lhe faria o jeito de mudar o horário, mas agora, como não se podem ver nem pintados de ouro, a vereadora do Chega bem pode bater o pé que do outro lado os ouvidos são moucos.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1664
    15-05-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1664
    15-05-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo