uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Destruiram o mercado para roubar a caixa multibanco

Edição de 19.03.2014 | Sociedade
Um assalto a uma caixa multibanco na Póvoa da Isenta, concelho de Santarém, provocou a destruição parcial do mercado diário da vila. A explosão causada pelos assaltantes para rebentar a caixa automática, e permitir a retirada do dinheiro aí depositado, destruiu a cobertura do recinto e as montras junto ao local. O mercado, que era utilizado diariamente por quatro comerciantes, ficou repleto de estilhaços de vidro.A deflagração ocorreu por volta das 4h00 da madrugada desta quarta-feira, 19 de Março, e causou grande aparato junto da população. Segundo a presidente da junta de freguesia, Vanessa Duarte, os assaltantes arrombaram a entrada do mercado e provocaram a explosão da caixa multibanco. Há cerca de um ano a caixa multibanco também tinha sido assaltada mas “não há memória de um assaltado tão violento na freguesia”, diz a autarca estimando que os prejuízos rondem os 50 mil euros.Os maiores prejudicados foram os comerciantes. “Devo ter ficado sem cinco mil euros. O tecto da loja está caído, a máquina registadora e a vitrina ficaram destruídas”, afirma Elídio Bernardino que tem um talho no mercado há 20 anos. Também Miguel Cera, proprietário de uma loja de alimentação para animais, ficou com um prejuízo de cerca de mil euros. “A montra rebentou e houve pequenos pedaços de vidro que entraram dentro do saco das rações”, explica Miguel.A Polícia Judiciária esteve no local e está a investigar o caso. O edifício foi vedado e não é aconselhável a entrada de pessoas no espaço. O mercado diário foi inaugurado em 1979. Agora, a caixa multibanco mais próxima fica no Vale de Santarém, a cerca de três quilómetros.

Mais Notícias

    A carregar...