uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Mesa da Assembleia da União de Freguesias de Ereira e Lapa foi destituída

Edição de 22.10.2014 | Sociedade
A mesa da Assembleia da União de Freguesias de Ereira e Lapa (no concelho do Cartaxo) foi destituída. A decisão foi aprovada pela oposição na última sessão da assembleia de freguesia, através de uma moção da CDU que aponta o dedo à forma como aquele órgão autárquico, que era composto por três eleitos do PS, tem funcionado.João Bernardes, presidente da União de Freguesias da Ereira e da Lapa, eleito pelo PS, admitiu, em declarações à Lusa, que a mesa da assembleia, constituída por três elementos do seu partido, “não estava a funcionar pelo melhor”.A moção da CDU aponta como exemplos do “mau funcionamento” no primeiro ano de mandato, o atraso na elaboração do regimento da assembleia e o “total descalabro” na redacção, votação e afixação das actas.Na assembleia extraordinária de 14 de Outubro, destinada a discutir o regimento, os eleitos do Movimento Independente e do PSD votaram favoravelmente a moção da CDU ditando a queda do órgão constituído por três eleitos do PS.João Bernardes disse à Lusa que defende uma “negociação entre todos os partidos”, não afastando a possibilidade de a mesa vir a ser constituída exclusivamente por elementos dos três partidos da oposição, já que o PS, que não conseguiu a maioria absoluta nas eleições autárquicas de 2013, detém os três lugares do executivo. A assembleia de freguesia vai reunir-se novamente esta quinta-feira, 23 de Outubro, numa nova tentativa de aprovação do regimento. A intenção é que a nova mesa seja eleita de seguida.

Mais Notícias

    A carregar...