uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Internamento compulsivo para mulher que tentou esfaquear adolescente

Suspeita foi transportada para o Hospital de Santarém pelos bombeiros e GNR

Edição de 15.05.2019 | Sociedade

A mulher de 42 anos que tentou esfaquear com uma navalha uma adolescente em Fazendas de Almeirim, na sexta-feira, 3 de Maio, foi internada compulsivamente três dias mais tarde na ala de psiquiatria do Hospital Distrital de Santarém.
O caso ocorreu na rua Dr. Guilherme Nunes Godinho, local onde a mulher vive. Segundo o que O MIRANTE conseguiu apurar, a tentativa de agressão aconteceu na sequência de uma discussão por causa da bicicleta da adolescente de 14 anos. A mulher insistia que o veículo de duas rodas era seu e que a rapariga, que reside no prédio da suspeita, lhe o tinha roubado. Foi a irmã gémea da vítima que impediu que o pior acontecesse, tendo conseguido travar a mulher.
A suspeita foi transportada para o Hospital de Santarém pelos bombeiros, com escolta da GNR que esteve no local a cumprir a ordem judicial de internamento. Este já não é o primeiro caso que envolve a mulher. Em Fevereiro deste ano a suspeita vandalizou as montras, a porta de entrada e o chão de uma clínica veterinária em Fazendas de Almeirim, tendo provocado um grande prejuízo ao proprietário do estabelecimento.
A mulher, de nacionalidade ucraniana, está em Portugal há sete anos e já trabalhou como costureira, estando actualmente desempregada. Tem um filho maior e uma filha de onze anos. De acordo com uma vizinha, que prefere não ser identificada por medo de represálias, a mulher sempre mostrou sofrer de perturbações, mas a situação piorou desde há dois anos quando o marido se quis separar dela. Desde aí, quem vive na zona diz serem frequentes os desacatos envolvendo a mulher, desde ameaças, agressões verbais e físicas, a gritos e actos de vandalismo.

Mais Notícias

    A carregar...