uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Politécnicos da região com mais 282 vagas ocupadas na segunda fase
Na Escola Superior de Desporto de Rio Maior as vagas ficaram todas preenchidas na segunda fase

Politécnicos da região com mais 282 vagas ocupadas na segunda fase

Escola de Desporto de Rio Maior preencheu na totalidade as vagas sobrantes da primeira fase enquanto na Escola Superior Agrária de Santarém três licenciaturas continuam sem qualquer candidato.

Edição de 09.10.2019 | Sociedade

Ficaram preenchidas 282 das mais de 770 vagas disponíveis nos Politécnicos de Santarém e de Tomar após a primeira fase do concurso nacional de acesso ao ensino superior (às 546 iniciais somaram-se cerca de 220 vagas libertadas por candidatos colocados na primeira fase e que não se matricularam).
A Escola Superior de Desporto de Rio Maior, do Politécnico de Santarém, conseguiu preencher na totalidade as vagas sobrantes da primeira fase nas licenciaturas de Desporto de Natureza e Turismo Activo (11 colocados), Gestão das Organizações Desportivas (5), Treino Desportivo (14), Actividade Física e Estilos de Vida Saudáveis (10) e Desporto, Condição Física e Saúde (21).
Ainda no Politécnico de Santarém esgotaram as vagas nos cursos de Educação Social (22), da Escola Superior de Educação, e as licenciaturas em Contabilidade e Fiscalidade (28) e Negócios Internacionais (14), da Escola Superior de Gestão e Tecnologia. A Escola Superior de Saúde de Santarém também tem as vagas todas preenchidas.
O mesmo feito foi conseguido pelo Politécnico de Tomar nos cursos de Engenharia Informática (21) e de Fotografia (15), ambos da Escola Superior de Tecnologia de Tomar.
Quanto aos cursos com menos procura há três licenciaturas da Escola Superior Agrária de Santarém que voltaram a não ter qualquer candidato. Agronomia, em regime pós-laboral, Tecnologia e Gestão Agro-industrial e Dieta Mediterrânica e Ciência dos Alimentos ficaram com 33, 21 e 22 vagas em aberto, respectivamente.
No Politécnico de Tomar, os cursos de Engenharia Electrotécnica e de Computadores e de Tecnologia Química, da Escola Superior de Tecnologia de Tomar, também não tiveram interessados e mantêm em aberto as 40 e 25 vagas respectivas.
No total dos politécnicos da região ficaram por preencher 444 vagas, 211 no Politécnico de Santarém e 233 no Politécnico de Tomar. A terceira fase de acesso ao ensino superior decorre entre 3 e 7 de Outubro e as vagas podem ser consultadas online na página da Direcção-Geral do Ensino Superior.
Segundo o Ministério da Ciência, Tecnologia e do Ensino Superior cabe a cada instituição decidir, para cada um dos seus cursos, sobre a abertura da terceira e última fase do concurso, fixando o número de vagas, em valor igual ou inferior às vagas sobrantes da segunda fase acrescidas das vagas não ocupadas pelos estudantes colocados nesta fase que não realizaram a matrícula e inscrição.

Metade dos candidatos ficou de fora
A nível nacional, cerca de metade dos candidatos à segunda fase do concurso nacional de acesso ao ensino superior ficou de fora das universidades e politécnicos públicos, tendo sido colocados 9.274 dos 18.200 candidatos a uma vaga, segundo dados oficiais divulgados pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, a 26 de Setembro..

Politécnicos da região com mais 282 vagas ocupadas na segunda fase

Mais Notícias

    A carregar...