uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Jovem da Golegã desaparecido no Tejo
foto DR Francisco Cruz

Jovem da Golegã desaparecido no Tejo

Francisco Cruz, 30 anos, ter-se-á atirado ao rio na madrugada de domingo, 22 de Dezembro.

Edição de 01.01.2020 | Sociedade

Francisco Cruz, de 30 anos, residente em Alpiarça, está desaparecido desde a madrugada de domingo, 22 de Dezembro. Suspeita-se que se tenha atirado ao rio Tejo da Ponte D. Luís, em Santarém, onde o seu carro foi encontrado a meio do tabuleiro.
O alerta foi dado pela 01h39 da madrugada de domingo. Desde aí bombeiros da região iniciaram buscas no rio, numa primeira fase apenas terrestres, mas que se alargaram a meios aquáticos assim que a visibilidade o permitiu.
“Estamos a avaliar dia-a-dia as condições do rio para realizarmos as buscas. Temos de garantir a segurança dos nossos operacionais”, adiantou a O MIRANTE, na manhã de segunda-feira, 23 de Dezembro (data do fecho desta edição), o comandante dos Bombeiros Municipais de Santarém, José Guilherme, referindo que estavam envolvidas seis corporações na procura de Francisco.
Francisco Cruz, natural da Golegã, trabalhou durante alguns anos na empresa Mendes Gonçalves, na Golegã, e até há um mês estava a desempenhar funções como comercial na Quinta da Atela, em Alpiarça. Era apaixonado por tauromaquia e pela área dos vinhos. Tinha uma filha menor.

Jovem da Golegã desaparecido no Tejo

Mais Notícias

    A carregar...