uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Unidade de Saúde Familiar de Almeirim dá médico de família a mais de 2 mil utentes
Inauguração oficial do espaço contou com a presença de Luís Pisco (à direita), presidente da ARS de Lisboa e Vale do Tejo

Unidade de Saúde Familiar de Almeirim dá médico de família a mais de 2 mil utentes

Almeirim era um dos dois únicos concelhos da Lezíria que não tinha uma USF, faltando agora Salvaterra de Magos.

Edição de 04.02.2020 | Sociedade


A nova Unidade de Saúde Familiar (USF) de Cortes de Almeirim conta com seis médicos, sete enfermeiros e sete assistentes técnicos e, a partir de Fevereiro, mais um especialista em Medicina Geral e Familiar. Esta unidade vai abranger metade dos utentes do centro de saúde, mais todos os inscritos nas extensões de saúde de Fazendas de Almeirim, Paço dos Negros e Marianos. Para esse efeito foi atribuída à USF uma viatura por parte da Câmara de Almeirim.
A inauguração oficial do espaço decorrem na sexta-feira, 24 de Janeiro. O presidente da Câmara de Almeirim, Pedro Ribeiro, explica que com esta USF o concelho reduz para cerca de 2.500 os utentes sem médico de família, que no entanto têm atendimento garantido por médico prestador de serviços, em regime de tempo completo, apoiado por outros dois médicos especialistas o que coloca o centro de saúde numa situação de total cobertura.
O olhar do autarca está já no futuro com a vontade de abrir uma segunda USF que dê resposta a todo o concelho. Vontade partilhada por Carlos Ferreira, presidente da direcção do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) da Lezíria que garantiu estar-se a trabalhar no sentido de criar uma segunda USF no concelho em 2020, que abrangerá a outra metade dos utentes da cidade e os de Benfica do Ribatejo e Raposa.
O apoio financeiro do município rondou os 60 mil euros, entre obras efectuadas, uma viatura oferecida e ainda um gabinete médico dentista que irá abrir em meados de Abril.
A inauguração oficial do espaço contou com a presença do presidente da Administração Regional de Saúde (ARS) de Lisboa e Vale do Tejo, Luís Pisco, que deixou o repto para que o concelho de Salvaterra de Magos avance com uma candidatura para criar a sua USF, uma vez que é o único concelho do ACES da Lezíria que ainda não tem uma esta valência.
A USF é um modelo do Serviço Nacional de Saúde que funciona com um orçamento próprio em função do trabalho executado e garantia de atendimento a todos os utentes abrangidos, mesmo que o médico de família do utente falte ou esteja de férias. A USF Cortes de Almeirim vai ser liderada pela médica Mariana Salgado, que presta serviço no centro de saúde local há cerca de dois anos.
As USF são constituídas por vontade dos médicos que querem aderir a este moderno sistema, que representa vantagens para os utentes e para os profissionais, que passam a ganhar mais em função da sua dedicação.

Unidade de Saúde Familiar de Almeirim dá médico de família a mais de 2 mil utentes

Mais Notícias

    A carregar...