uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Reuniões nocturnas da Câmara de Torres Novas chumbadas

Reuniões nocturnas da Câmara de Torres Novas chumbadas

Proposta do Bloco de Esquerda só deverá ser implementada no próximo mandato

Edição de 02.02.2017 | Sociedade

Foi chumbada por maioria a proposta do Bloco de Esquerda (BE) para a implementação de três reuniões camarárias nocturnas em Torres Novas até final do actual mandato. A vereadora bloquista Helena Pinto levou a proposta à reunião de câmara de 20 de Janeiro desejando com a sua aprovação que os munícipes ficassem mais próximos da democracia local, favorecendo assim a sua participação na vida municipal.
A maioria PS defendeu que a alteração dos horários das reuniões públicas da Câmara de Torres Novas deve ser equacionada apenas no próximo mandato e não na recta final do actual, uma ideia também partilhada pelo vereador do PSD, Henrique Reis, que votou contra a proposta tal como o executivo socialista.
A vereadora da CDU, Ana Filipa Rodrigues, que votou favoravelmente a proposta do BE, apenas pediu que a concretizar-se a medida fosse definida uma hora para o fim dessas três reuniões nocturnas devido ao horário laboral da vereação que está na oposição.
Neste mandato a câmara municipal já tinha incluído reuniões descentralizadas em todas as freguesias do concelho e Helena Pinto procurava outro modelo de reunião pública que tivesse uma maior participação. Antes da votação um popular saiu da sala afirmando que não é desse modo que a câmara têm mais pessoas a assistir e a participar nas reuniões.

Reuniões nocturnas da Câmara de Torres Novas chumbadas

Mais Notícias

    A carregar...