uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Antigo autarca Joaquim Saramago foi a sepultar no Dia de Reis
Joaquim Saramago

Antigo autarca Joaquim Saramago foi a sepultar no Dia de Reis

Foi presidente da Junta de Freguesia de Achete, no concelho de Santarém, e presidente da Adega Cooperativa de Alcanhões.

Edição de 16.01.2019 | Sociedade

O antigo presidente da Junta de Freguesia de Achete e da Adega Cooperativa de Alcanhões, foi a sepultar no domingo, 6 de Janeiro, Dia de Reis, em Achete. O ex-autarca, que contava 73 anos, faleceu no sábado, 5 de Janeiro, vítima de doença prolongada.
Joaquim Saramago nasceu 15 de Maio de 1945 na Póvoa de Santarém. Foi funcionário das Finanças durante 36 anos. Estava aposentado há já alguns anos. Na sua juventude frequentou o antigo Liceu Sá da Bandeira e cumpriu serviço militar na Escola Prática de Cavalaria, em Santarém. Foi presidente da Junta de Freguesia de Achete durante vários mandatos, até à fusão dessa freguesia com as de Póvoa de Santarém e Azóia de Baixo, em 2013.
Na edição de 23 de Março de 2011 de O MIRANTE, na rubrica Três Dimensões, Joaquim Saramago fez um resumo da sua vida até aí. O texto terminava com a seguinte frase de sua autoria, já depois de ter enfrentado uma batalha contra o cancro: “Há tempo para tudo desde que se queira. Hoje não penso tanto à distância mas preocupo-me com o dia-a-dia. Cada dia é um dia. Não vale a pena andar a correr. De um momento para o outro a vida dá um trambolhão”.
Joaquim Saramago era casado, tinha uma filha, um filho e um neto.

Antigo autarca Joaquim Saramago foi a sepultar no Dia de Reis

Mais Notícias

    A carregar...