uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Mulher com criança anda a sacar ouro a idosos em Alverca e Alhandra
Vítimas deixam a assaltante entrar em suas casas com o filho e depois foge com todo o ouro e dinheiro que encontre

Mulher com criança anda a sacar ouro a idosos em Alverca e Alhandra

Polícia tem conhecimento de seis denúncias e apela à colaboração dos moradores. Autoridades aumentaram os níveis de alerta porque a suspeita ainda está a monte. Moradores são aconselhados a não abrir a porta e chamarem a PSP.

Edição de 27.03.2019 | Sociedade

Uma mulher, com idade entre os 25 e os 30 anos, acompanhada de uma criança que terá 7 ou 8 anos, anda a roubar pessoas idosas dentro das suas residências no concelho de Vila Franca de Xira e a levar-lhes ouro e dinheiro.
Há registo de seis casos em Alverca do Ribatejo e Alhandra, denúncias que levaram a PSP a investigar o caso com as suas unidades de investigação criminal. Fonte oficial da Polícia confirma as situações e explica a O MIRANTE que os assaltos têm todos o mesmo método: a mulher aborda pessoas idosas junto às suas residências, tocando às campainhas se necessário, e alega que o filho tem sede, fome ou que precisa de ir à casa de banho. As vítimas disponibilizam-se para auxiliar e a mulher “de forma astuta, aproveita o momento para subtrair, de acordo com o relato das vítimas, elevadas quantias monetárias e diversas peças em ouro”, explicam as autoridades.
A suspeita, que ainda está a monte, tem uma estatura média, olhos escuros e vestia roupa escura. Liliana Costa, de Alverca, vizinha de uma das vítimas, explica que o assalto, que aconteceu há cerca de duas semanas, foi rápido e sem aparato. “Ela contou-me que enquanto a mulher lhe dava conversa o filho foi-lhe ao quarto e levou-lhe todos os fios de ouro que encontrou sem ela dar por isso. Só percebeu o que aconteceu umas horas depois. Nem a aliança de casamento ficou para amostra”, relata.
Em causa estão largas centenas de euros em ouro e numerário que já foram levados da casa das vítimas. A polícia está a investigar o fenómeno e tem apostado na prevenção, realizando visitas às vítimas e promovendo acções de sensibilização junto da população mais vulnerável, em particular a mais idosa.
Os níveis de alerta foram aumentados em Alverca e Alhandra. A PSP está disponível para acorrer a situações que possam indiciar esta prática e apela aos moradores para que, em caso de suspeita, não abram as portas da residência e contactem a polícia, pelos números 219 500 070 (Alhandra) ou o 219 578 815 (Alverca). “Toda a ajuda será bem vinda para nos auxiliar a prevenir e reprimir estas situações”, explica a PSP.

Mulher com criança anda a sacar ouro a idosos em Alverca e Alhandra

Mais Notícias

    A carregar...

    Capas

    Assine O MIRANTE e receba o Jornal em casa
    Clique para fazer o pedido