uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Samora Correia regressou à primeira distrital e está a surpreender

Samora Correia regressou à primeira distrital e está a surpreender

Equipa não iniciou a época a pensar na subida aos nacionais, mas está nos lugares da frente e promete dar luta

Edição de 22.12.2016 | Desporto

Os domingos de tarde têm sido de festa em Samora Correia, concelho de Benavente. A equipa local, o Grupo Desportivo de Samora Correia, está a realizar uma época acima das expectativas e apesar de na temporada passada ter disputado o segundo escalão do distrital de Santarém, a equipa samorense registou já 27 pontos (oito vitórias, três empates e três derrotas), estando na quarta posição empatada com o terceiro, o Amiense.
A primeira metade de época já levou o técnico a rever objectivos e apesar de não assumirem a luta pela subida aos nacionais, não deixam de sonhar com esse feito. Actualmente estão a seis pontos do líder Riachense. “O nosso investimento não foi nesse sentido (1º lugar), houve equipas que o fizeram. Os objectivos de época era a manutenção ou ficar na primeira metade da tabela. Da forma como estamos, seria óptimo ficar nos cinco primeiros lugares. Já completámos a primeira volta do campeonato e pelo que encontrámos sabemos que temos equipa para disputar o jogo com qualquer adversário”, refere Fernando Soares que está a ter a primeira experiência à frente de uma equipa sénior como técnico principal.
Para esta temporada o GD Samora Correia contratou 11 jogadores, mas o técnico não mostra surpresa com os resultados alcançados e identifica o espírito de “cooperação e compromisso” como justificação para o bom momento de época. A população está atenta aos resultados da equipa e regista-se um maior número de adeptos em cada jogo. O capitão de equipa, Bruno Bexiga, nascido e criado em Samora Correia, refere que este ano é interpelado mais vezes na rua sobre o clube e que se ao início as vitórias eram uma surpresa para os adeptos, agora já começa a ser natural levarem os 3 pontos no fim.
Contudo os jogos fora de casa têm sido uma dor de cabeça. O GD Samora Correia venceu os dois primeiros encontros no terreno do adversário (1-2 ao Riachense e ao Torres Novas), mas desde então tem perdido pontos. “Temos falhado nos campos em que não conseguimos adaptarmo-nos tão bem, com sintéticos mais pequenos, equipas mais aguerridas, onde o futebol se joga de forma directa com bolas sempre na nossa área. As arbitragens também condicionaram. O clube tem pouca representação na AF Santarém e somos penalizados. Houve jogos em que na segunda parte não houve faltas a nosso favor”, critica o capitão.
O GD Samora Correia já passou pelos campeonatos nacionais e ainda que o regresso esta época não seja um dos objectivos, o grupo não enjeitará a oportunidade se ela surgir. Para já seis pontos distanciam o Samora Correia do líder Riachense, que tem a única derrota precisamente com os samorenses.

Um central experiente que treinou com Mourinho

Esta época o GD Samora Correia abasteceu-se de jogadores com experiência, vindos maioritariamente de campeonatos de Lisboa. Frederico ‘Fred’ Duarte foi um deles. O defesa de 33 anos fez a formação no União de Leiria e chegou a receber treinos do ‘Special One’ quando este esteve na equipa da cidade do Lis.
“Era fantástico. À quarta-feira dava sempre treinos aos juniores e na segunda metade da época chamou-me a treinar com os seniores. Era um técnico que incentivava sempre se algo corresse mal. Era comunicativo, o primeiro a dar-nos a mão para não nos deixar ir abaixo. Foi com ele que comecei a jogar a central. Na altura ninguém tinha a noção do que ele viria a ser mas ele criou um grande ambiente no U. Leiria, algo fora do normal”, lembra.
Fred está muito satisfeito com o grupo de trabalho do Samora e diz que muitos não esperavam que a equipa estivesse tão bem posicionada. “Muitos pensavam que uma equipa que tinha subido da 2ª distrital estivesse a lutar pela manutenção e temos demonstrado o contrário, não só dentro de campo mas também fora através da direcção, departamento médico, jogadores e equipa técnica”, refere.

Samora Correia regressou à primeira distrital e está a surpreender

Mais Notícias

    A carregar...

    Capas

    Assine O MIRANTE e receba o Jornal em casa
    Clique para fazer o pedido